XVII Gala dos Globos de Ouro já arrancou

Reunião da Comissão de Notáveis dá início a mais uma edição.

30 Março 2012 às 18:07

A tarefa não é fácil, mas os profissionais das várias áreas a distinguir pelos Globos de Ouro – Desporto, Cinema, Moda, Música e Teatro – que foram convidados a integrar a Comissão de Notáveis aceitaram, sem hesitar, sugerir os nomes que, de acordo com os critérios apresentados pela organização CARAS/SIC, têm os requisitos certos para fazerem parte da lista de nomeados para cada uma das cinco categorias.

Entre os presentes na reunião da comissão, que decorreu no auditório do Edifício S. Francisco de Sales, onde fica a redação da CARAS, esteve Rogério Samora, um estreante nestas lides. O ator referiu que considera uma honra fazer parte deste grupo e que a principal razão que o levou a aceitar o convite foi “alguma curiosidade em perceber como funcionam a escolha dos nomeados e a atribuição dos prémios”. O José da novela Rosa Fogo disse ainda que em Portugal há muitos bons artistas e que “difícil é nomear apenas alguns”. E concluiu: “Os prémios aumentam a autoestima. Para qualquer artista, seja de que área for, ser reconhecido é muito bom.”

Cenógrafo há mais de 45 anos, António Casimiro diz que esta tarefa é de “uma enorme responsabilidade, porque felizmente em Portugal temos muitos e muito bons profissionais”. Anabela Teixeira, que também faz parte dos notáveis que integram esta comissão, diz que o faz com “espírito crítico, mas sempre de uma forma construtiva.”

No momento que pode ser considerado o arranque da XVII Gala dos Globos de Ouro – que se realiza a 20 de maio próximo, uma vez mais no Coliseu dos Recreios –, Fernan­da Dias, diretora da CARAS, explicou: “Esta é talvez a fase mais difícil dos Globos, porque é preciso tomar importantes decisões em relação aos nomeados. Depois, vem toda uma logística difícil, mas vale a pena o esforço.” Quanto à grande noite, que será novamente conduzida por Bárbara Guimarães e transmitida em direto pela SIC, Fernanda Dias não tem dúvidas: “A realização cabe à Cristina Verdú, que tem o espírito dos Globos de Ouro, por isso tenho a certeza de que vai ser um grande espetáculo.”

 

EM DEBATE
no Momento
Inquérito

Caso Nóos

Caso Nóos

Acha que a infanta Cristina está envolvida no caso Nóos, em que o marido, Iñaki Urdangarín, é acusado de fraude fiscal, branqueamento de capitais e desvio de fundos públicos?

Share