Nas Bancas

Leitoras da CARAS vestidas a rigor para a Gala dos Globos

Nilza Mendes, Diana Roque, Inês Melo e Cristina Simões assistiram pela primeira vez à Gala dos Globos de Ouro, no Coliseu, depois de ganharem um passatempo promovido pelo site da CARAS. No final desta noite de festa, as quatro assumiram ter vivido um sonho.

23 de junho de 2012, 16:00

Nilza Mendes, Diana Roque, InêsMelo e Cristina Simões foram contempladas com bilhetes duplos paraassistirem à XVII Gala dos Globos de Ouro e tiveram ainda direito a um makeovercompleto. Um prémio que ganharam ao responderem a um desafio do site daCARAS, que premiava quem apresentasse as razões mais originais para desejarestar presente na gala organizada pela CARAS e pela SIC. Viver uma noite desonho, deslumbrar na passadeira vermelha, ter curiosidade em ver de perto o glamour e o talento premiados nesta galaou ser estrela por uma noite foram as justificações destas vencedoras.
A nossa revista acompanhou as quatro vencedoras à loja Marias, na Baixalisboeta, onde escolheram vestidos e acessórios para desfilar na passadeiravermelha. Nessa altura, Nilza Mendes, de 39 anos, responsável de secção de umagrande superfície de mobiliário sueca, justificou a sua participação: “Foipor brincadeira e acabei por ganhar. Agora estou supercuriosa e farta deimaginar como será. Uma coisa é ver na televisão, outra é ver ao vivo.” Quantoao vestido, teve duas opções e escolheu, obviamente, aquele com que mais seidentificava: um modelo caicai de cor salmão com aplicações de pedrarias nocorpo.
Diana Roque, de 23 anos, enfermeira residente na Maia, Porto, deslocou-sepropositadamente a Lisboa para viver um sonho: “Este evento é uma referênciano nosso país, acho a cerimónia lindíssima. Este ano as minhas expectativas sãoainda maiores, já que vou vê-lo ao vivo. O momento de que mais gosto é o dahomenagem, e estou curiosa para ver quem vai subir ao palco.” Para assistira esse momento em que foi entregue o prémio de Mérito e Excelência, Diana, queescolheu o namorado, Ivo Pinto, para lhe fazer companhia, vestiu-se devermelho, “a cor da CARAS”. Um modelo de vaga inspiração sevilhana, como qual se sentiu “muito confortável.”
Inês Melo, de 17 anos, estudante, concorreu com várias frases, mas mesmo assimficou surpreendida com a vitória. “Estou contente, porque acho que os Globosde Ouro são uma referência.” Quanto ao vestido, mostrou-se um poucoindecisa. Vestiu um azul, outro de tom nude, um terceiro laranja, masfoi com um verde-mar com aplicações douradas, mais curto à frente, que decidiudeslumbrar: “Gostei de vários, mas acho que a minha escolha foi a melhorpara mim. É mais jovem e eu sinto-me bem com ele, o que é o mais importante.”
Já para Cristina Simões, 52 anos, bancária, leitora habitual da CARAS e queconcorreu especialmente por causa do makeover a que teria direito, aescolha do modelo foi “amor à primeira vista”. “Nem experimentei outro.Costumo ser decidida.” Cristina, que para a acompanhar à gala escolheu ofilho mais novo, Guilherme, revelou ainda que sempre quis fazer partedesta festa. “Não há outra com esta grandiosidade em Portugal. Eu acompanhotodos os momentos pela televisão, e desta vez vou fazer parte da festa,deslumbrar na passadeira vermelha.” [Risos]
Para São Almeida, proprietária da loja Marias, este também foi umdesafio, mas encarou-o com naturalidade: “Não foi nada difícil escolher osvestidos para estas quatro mulheres. Qualquer uma delas tinha uma identidademuito própria, e tentámos adequar os modelos ao gosto de cada uma.”
Feita a escolha das toilettes, as quatro mulheres marcaram encontrocom a CARAS no dia seguinte, horas antes da gala, no Anton Beill Hairdresser,onde foram penteadas e maquilhadas. De seguida, foram para o Hotel Altis, ondese vestiram. Depois de todas produzidas, Nilza confessou: “Estou a sentir-meuma autêntica estrela.” Cristina Simões confirmou: “Sinto-me umaverdadeira princesa.” E foi como protagonistas de um conto de fadas quechegaram ao Coliseu e desfilaram na passadeira vermelha. Mas mais uma surpresaas esperava: a presença no jantar dos nomeados. “Estou muito surpreendida,pois não sabia que íamos também ao jantar. Está a superar as minhasexpectativas”, disse Cristina, confessando que queria ver de perto o ator ÂngeloRodrigues. Inês, por seu lado, tinha a pretensão de ver a manequim SaraSampaio e a atriz Cláudia Vieira. Felizmente, nenhum dos três faltouà Gala, e no fim da noite a satisfação das quatro leitoras era notória: paratodas, esta noite ficará na memória.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras