Nas Bancas

Mãe de Júlia Pinheiro sofre AVC severo

Apresentadora relatou os momentos de sofrimento no seu blogue pessoal

CARAS
11 de abril de 2019, 11:02

A mãe de Júlia Pinheiro sofreu um “AVC severo” no passado dia 3 de março, revela a apresentadora numa publicação emocionada que fez nesta quarta-feira no seu blogue pessoal. Aurea Pinheiro, de 80 anos, é descrita pela filha como uma mulher “autónoma, senhora da sua vida e do seu nariz. Nunca foi dependente de ninguém”.

“Quando a vi, alheada e perdida numa maca, já na ambulância, cravou-se uma garra no meu coração. Não parecia ela, a mulher altiva que me educou. Estava desprotegida e perdida no nevoeiro de um cérebro afetado, locomoção comprometida e sem reconhecer ninguém. Foi um dia de pesadelo. Por não saber se havia futuro, por não saber se esse futuro seria aceitável para a formidável mulher que me deu à luz”, relata Júlia Pinheiro.

Numa fase em que estava a ensaiar a peça ‘Monólogos da Vagina’, Júlia refere ainda que naquele dia de ansiedade ligou para o encenador Paulo Sousa e Costa para se “desvincular do projeto”. “Estávamos na fase mais crítica da construção do espetáculo, era impensável fazer um programa de televisão em direto, todos os dias, ensaiar todos os dias e acompanhar a minha Mãe nos Cuidados Intensivos”.

A mãe da apresentadora das tardes da SIC já está recuperada. “A mulher altiva já regressou. Já refila, argumenta e, quando se sente muito cansada, dá-me a mão e agarra-a com muita força”.

Júlia acabaria por não sair do elenco da peça ‘Monólogos da Vagina’, “Apresentei-me em palco pela primeira vez, apesar de emocionalmente não ter condições para o fazer. Estreei-me por respeito aos que acreditaram em mim e estreei-me porque era preciso fazê-lo. Por mim e pela minha Mãe! Acredito que ela ainda irá ver a filha a cumprir o sonho e que, embora mais limitada e se calhar ajudada por todos, vai aplaudir a nossa mútua vitória”.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras