Nas Bancas

Diogo Amaral em declarações à CARAS: “Estou ansioso por ter o Oliver nos braços”

A CARAS falou com o ator por ocasião dos Prémios Sophia 2019.

Vanessa Bento
5 de abril de 2019, 09:56

Nomeado para a categoria de Melhor Ator Principal nos Prémios Sophia 2019, pelo seu desempenho no filme Pedro e Inês, à chegada ao Casino Estoril, onde decorreu a cerimónia de entrega dos troféus da Academia Portuguesa de Cinema, Diogo Amaral, de 37 anos, mostrou-se feliz com este reconhecimento, mas frisou: “O meu prémio foi ter feito o filme e ter tido um desafio tão rico na minha carreira como este.” E se profissionalmente está num excelente momento, a nível pessoal está numa fase maravilhosa, pois prepara-se para ser pai pela segunda vez dentro de três meses e não esconde o seu entusiasmo.
“Estou ansioso por ter o Oliver nos braços e entrar nesta aventura novamente. Adoro ser pai, acho que se nota”, confessou. Ainda assim, o ator sublinhou que dificilmente terá mais filhos biológicos. “Queria uma menina, mas acho que para a próxima, se houver uma próxima, será adotado. Não acho muita piada às gravidezes. Eu não enjoo, mas com a história das hormonas as mulheres ficam possuídas pelo demónio. [Risos] Estou a brincar... A verdade é que ainda não tive de me levantar a meio da noite por causa de desejos. A Jessica [Athayde] é supersimples, só quer tangerinas”, soltou Diogo, entre gargalhadas.
O casal de atores tem partilhado as emoções desta gravidez com o filho de Diogo, Mateus, de quatro anos. “O Mateus está um bocado desconfiado, acha que não está nada dentro da barriga da Jessica. Ele acha que é uma daquelas barrigas que se usam no cinema e nas novelas”, explicou ainda o ator.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras