Nas Bancas

Iva Domingues deixa a TVI

A apresentadora vai também regressar a Portugal.

CARAS
4 de abril de 2019, 13:13

Iva Domingues comunicou, esta quinta-feira, dia 4, a notícia de que a sua vida profissional ia sofrer uma reviravolta. Num longo texto, a apresentadora conta que, depois de 19 anos no canal de Queluz, decidiu assumir um novo desafio profissional e vai integrar a equipa de um novo canal de televisão: o "11", projeto da Federação Portuguesa de Futebol que estreia em maio. "Sobre futebol? Sim, mas aberto à sociedade, aberto a todos. Estar presente na fundação de um projecto desta qualidade , em que acredito desde a primeira hora, é para mim um privilégio e um motivo de orgulho. Um momento único na minha carreira" escreveu Iva, no texto.

Iva também fez referência no texto ao período em que viveu em Los Angeles, nos Estados Unidos, país para o qual se mudou com a filha, em 2017: "Agora, da Califórnia para Portugal, regresso com o mesmo friozinho no estômago e a mesma excitação da juventude para me juntar a esta nova família".

Leia o comunicado na íntegra:

"É com muita alegria e grande entusiasmo, que partilho convosco esta novidade: aceitei o convite do Nuno Santos para ser uma das principais caras do 11.
O 11 é um novo canal de televisão e uma nova plataforma de conteúdos.
Sobre futebol? Sim, mas aberto à sociedade, aberto a todos.
Estar presente na fundação de um projecto desta qualidade , em que acredito desde a primeira hora, é para mim um privilégio e um motivo de orgulho. Um momento único na minha carreira.
Quem me conhece, e sabe como vivo e penso a televisão, sabe que o “11” é um desafio irrecusável.

À Tvi, a minha casa durante 19 anos, tenho uma palavra, Gratidão . Muito obrigada a todas e a todos que, ao longo destes anos, me acompanharam nesta viagem incrível e fizeram de mim a profissional que sou hoje.
A Tvi tem e terá para sempre um lugar especial no meu coração. Não é um adeus, é um até já.

Há dois anos decidi, por amor, deixar Portugal para acompanhar e ajudar a minha filha a seguir o sonho, em Los Angeles. Foi uma decisão muito difícil mas também das melhores e mais transformadoras da minha vida.
O que juntas vivemos e experienciámos enriqueceu-nos e mudou-nos para sempre, de uma forma tal, que palavras não são suficientes para expressar o mundo que ganhámos e agora carregamos dentro.
Mas a vida é feita de ciclos e é chegado o momento de, também por amor e de coração apertado, a deixar voar sozinha.
Pertenço ao grupo de pessoas que acreditam que é possível ultrapassar o destino. É esse o exemplo que quero transmitir à Carolina. É o que tenho tentado fazer desde os meus 20 anos, quando terminei a faculdade e me mudei de Braga para Lisboa, para ir atrás do sonho.

Agora, da Califórnia para Portugal, regresso com o mesmo friozinho no estômago e a mesma excitação da juventude para me juntar a esta nova família e ajudar a construir o “11”."

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras