Nas Bancas

Banco do Bebé organiza almoço solidário e promove tarde de convívio no feminino

Mais de 120 senhoras subiram a bordo do barco da Confeitaria Nacional para desfrutarem de um almoço solidário a favor do Banco do Bebé

Marta Mesquita
10 de novembro de 2018, 09:38

O Banco do Bebé voltou a reunir mais de 120 amigas da causa num almoço solidário, que decorreu no barco da Confeitaria Nacional. Assunção Infante da Câmara, presidente da direção, explicou à CARAS a importância que estas iniciativas de angariação de fundos têm para a sobrevivência desta associação, que apoia bebés e famílias carenciadas: “Neste momento, visitamos 87 famílias. Muitas são estrangeiras e ajudamos em toda a logística do dia a dia, como ir ao centro de saúde e esse tipo de tarefas. Temos muitas casas para ajudar, mas, graças a Deus, temos conseguido dar resposta. Depois, temos o apoio em bens, na Maternidade Dr. Alfredo da Costa. As mães vão às consultas, expõem as suas necessidades e entregamos os cabazes. E também damos roupa e mais bens para os restantes filhos. Ainda temos o apoio psicossocial que também é prestado às famílias. Não temos ajuda nenhuma do Estado. Por isso, iniciativas como este almoço de angariação de fundos são fundamentais para nós. Sem estas ações não conseguiríamos ajudar tantas pessoas. O meu sonho é que no ano que vem consigamos apoiar 110 famílias.”
À frente do Banco do Bebé há cerca de um ano e meio, Assunção Infante da Câmara não poderia estar mais realizada com este papel, que lhe dá a possibilidade de ajudar quem mais precisa, como assegurou: “Está a ser uma aventura fantástica. Tenho um grande apoio das voluntárias, e sem elas não iria a lado nenhum. Além disso, os portugueses são mesmo solidários. O que pedimos, as pessoas dão. Só temos que agradecer.”
Fundadora e presidente durante mais de duas décadas do Banco do Bebé, Marina Arnoso continua a ser presença obrigatória nas atividades da associação. “Estes almoços são também importantes para divulgar a nossa causa. Convidamos uma ou duas amigas, que, por sua vez, convidam mais amigas, e assim conseguimos preencher todas as mesas. É um dia muito agradável, em que damos um passeio de barco. Divertimo-nos ao mesmo tempo que apoiamos uma boa causa. Os bebés apelam ao coração de toda a gente. Adoramos quando vemos que temos tantas pessoas que nos querem apoiar”, partilhou a agora presidente honorária desta associação.
Quem também não faltou a este almoço foi D. Isabel de Bragança. “Apoio o Banco do Bebé há muitos anos. Na altura, pessoas amigas que trabalhavam como voluntárias na Maternidade desafiaram-me, e aqui estou. De facto, há muitas situações que precisam deste tipo de intervenção. E esta associação faz uma coisa extraordinária, que é o apoio domiciliário. Temos bebés que nascem com problemas muito graves e que depois recebem em casa esta ajuda. É um trabalho fantástico”, explicou a duquesa de Bragança momentos antes de subir a bordo deste restaurante flutuante.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras