Nas Bancas

Yannick Djaló de luto pela morte da irmã

Açucena Patrícia, de 17 anos, foi vítima de atropelamento nas Festas da Moita.

CARAS
16 de setembro de 2018, 10:21

Yannick Djaló está de luto. O jogador de futebol chora a morte da irmã, Açucena Patrícia, que perdeu a vida aos 17. A jovem foi vítima de um atropelamento que decorreu na noite de sexta-feira, dia 14, nas Festas da Moita. Em comunicado, a GNR afirma que o condutor responsável pelo acidente "avançou a alta velocidade por um arruamento de acesso às referidas festas, tendo embatido violentamente nas guardas de madeira de proteção, utilizadas para as largadas de touros, as quais não impediram que o veículo colidisse com as vítimas". O condutor está em prisão preventiva, indiciado por condução perigosa, dez crimes de homicídio qualificado na forma tentada e um de homicídio qualificado.

Nas redes sociais, o atleta escreveu uma sentida de mensagem de dor: "Nunca me passou pela cabeça que isso fosse acontecer... era suposto essa mensagem vir de ti, e estar no teu Instagram e não no meu, era suposto tu sentires essa dor e não eu, era suposto que essas lágrimas fossem tuas e não minhas... nunca quis que sofresses, mas preferia que sentisses o que estou a sentir e trocássemos de lugar, minha Açu...palavra nenhuma consegue descrever a dor que sinto e quão pesado está o meu coração ... minha Açu... minha menina! Ainda não consigo acreditar... vou entrar por aquela porta e me vais saltar para os braços... ainda não consigo acreditar...Tenho de te ver... tenho de olhar p ti, p teu rosto... tenho de sentir de verdade que realmente não estás mais aqui!"

Atualmente na Tailândia em trabalho, Yanick Djaló irá regressar a Portugal para assistir às cerimónias fúnebres da irmã e prestar apoio à família.

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras