Nas Bancas

PJF-SolCap-21.jpg

Paulo Jorge Figueiredo

Lura partilha os sonhos que tem para a filha: “Gostava que a Nina fosse artista”

A cantora, que vai fazer uma homenagem a Cesária Évora no festival O Sol da Caparica, partilhou como tem conciliado a carreira com a maternidade.

Marta Mesquita
26 de agosto de 2018, 12:14

Há um ano e sete meses, Lura realizou um dos seus maiores sonhos: ser mãe. Nina Santiago veio enriquecer o mundo de afetos da cantora, que não contém o sorriso sempre que fala da filha. “Tem sido maravilhoso ver a sua evolução. Ela é muito comunicativa e engraçada. É simpática e adora brincar. Também já canta, na sua maneira muito própria. Gostava que a Nina fosse artista. Tenho a esperança de estar a criar uma grande cantora”, revelou Lura na conferência de imprensa do festival O Sol da Caparica, onde vai prestar uma homenagem a Cesária Évora, cantora cabo-verdiana que morreu em 2011.
Com uma agenda de concertos muito preenchida, que a tem levado a atuar pelo mundo inteiro, a cantora confessou que nem sempre é fácil conciliar a profissão com a maternidade: “Há mesmo um antes e um depois da minha filha. Por vezes, é uma loucura gerir tudo. Ter um bebé ajuda-nos a saber lidar com o cansaço. Antes, tinha de dormir muito bem. Hoje, isso não acontece. Acordo com sono, mas cheia de energia. Tenho de tratar dela, de mim, da logística do dia a dia e dos concertos. Toda a ajuda é pouca para se criar uma criança. Quem estiver disponível é sempre bem-vindo!”

fotos: Paulo Jorge Figueiredo

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras