Nas Bancas

GettyImages-968045640.jpg

Getty Images

Mulher de Colin Firth chega a acordo com ex-amante

Colin Firth e Livia Giuggioli queixaram-se do assédio por parte do jornalista italiano Marco Brancaccia

CARAS
23 de julho de 2018, 12:42

Quatro meses depois de acusaram publicamente o ex-amante de perseguição, Colin Firth e Livia Giuggioli decidiram tratar do assunto fora dos tribunais.

"No melhor interesse das suas famílias, as partes concordaram em fazer um acordo privado", informaram os advogados que representam Firth e Giuggioli e o jornalista italiano Marco Brancaccia numa declaração conjunta ao USA Today. "Portanto, as partes solicitaram ao tribunal um adiamento da audiência preliminar para formalizar o acordo. A partir deste momento, este acordo impede qualquer outra declaração pública feita por qualquer uma das partes sobre esse assunto."

Há alguns meses, o ator e a mulher tornaram público que, durante um período em que estiveram separados, Livia se tinha envolvido com o jornalista italiano. Após terem retomado a relação, o casal queixou-se que Marco Brancaccia tinha iniciado uma campanha de assédio.

Brancaccia, em entrevista ao The Times, negou as alegações de perseguição e disse que, após o fim do relacionamento, apenas enviou duas mensagens por WhatsApp e um email.

"Escrevi um email ao Colin sobre o meu relacionamento com a Livia, que agora me arrependo de ter enviado, e ela fez uma queixa contra mim por ter medo de que tornasse público o que me revelou sobre seu casamento e trabalho. Num ano de relação, enviou-me centenas de mensagens de amor, fotos e vídeos, até mesmo um diário", disse ao mesmo jornal.

Firth e Giuggioli são casados ​​desde 1997 e têm dois filhos.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras