Nas Bancas

Ao lado da família, Nuno Rogeiro presta homenagem ao avô materno

A partir do diário do avô materno, Nuno e Clemente Rogeiro escreveram o livro “O Nosso Avô Foi à Guerra”, no qual revelam um novo olhar sobre a participação portuguesa na Primeira Guerra Mundial. Nesta obra, os dois irmãos evidenciam a bravura do avô, a quem prestam agora esta homenagem.

Marta Mesquita
21 de julho de 2018, 10:04

Nuno e Clemente Rogeiro encontraram um antigo diário do avô materno, Joaquim Simões Costa. A partir deste documento biográfico, que relata a experiência do militar durante a Primeira Guerra Mundial, os dois irmãos decidiram escrever o livro O Nosso Avô Foi à Guerra. “Descobrimos há pouco tempo o diário de guerra do nosso avô, que foi um combatente na frente da Flandres, em 1917. Foi ferido nessa altura e escreveu este registo, que desconhecíamos. Estava misturado com outros papéis menos importantes. Era um diário amarelecido, dentro de um caderno com capa preta, com algumas páginas já destruídas, mas que estava a ser fascinante ler. Pegámos nessa informação e decidimos avançar com este livro. Eu escrevi e o meu irmão fez a investigação. Foi uma parceria estimulante”, explicou o comentador e analista da SIC momentos antes de apresentar esta obra no Museu Militar, em Lisboa.

Apesar de ter conhecido o avô, que morreu em 1974, Nuno Rogeiro revela que este diário de campanha o levou a admirar ainda mais o militar, a quem presta agora uma homenagem através deste livro: “Fiquei surpreendido com algumas coisas que li. Conheci o meu avô numa altura em que ele já estava muito debilitado. Tivemos duas ou três conversas sobre a guerra que me marcaram, mas pouco mais. O que sabia dele era através da minha mãe e das minhas tias, que me contavam as suas experiências. Com este diário acabámos por compreender uma certa casmurrice e teimosia do meu avô. A sua vida resumiu-se ao não desistir.”
Nesta apresentação, o comentador agradeceu publicamente o apoio da família. A mulher, Daniela, e três dos seus quatro filhos estiveram na plateia e mostraram-se orgulhosos.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras