Nas Bancas

JLI_LuisaCastel-Branco-8993.jpg

João Lima

Luísa Castel-Branco confessa ter turberculose latente

A apresentadora tem vindo a sofrer de alguns problemas de saúde.

CARAS
19 de junho de 2018, 17:31

Luísa Castel-Branco recorreu à sua conta pessoal de Instagram esta segunda-feira, 18 de junho, para partilhar com os seus seguidores o facto de ter descoberto que sofre de tuberculose latente.

De acordo com a apresentadora de televisão foi possível chegar a este diagnóstico porque “quem tem uma doença autoimmune como eu, a hidradenite supurativa e a quer tratar com medicamento biológico tem antes de fazer o dito teste. E a mim deu positivo”.

Depois desta confissão, Luísa conta ainda que desde há meio ano que toma medicação diária, notando os seus efeitos secundários. “Seis meses em que todos, mas todos os dias, o dito comprimido me derrubou ao chão. Primeiro desmaios, depois da alteração dos outros, diversos medicamentos passou para uma fase diferente . Todos os dias baixa de tensão e uma sensação de dormência, mal estar físico, eu sei lá, que nunca me deu descanso! No meio disto estava a proibição de beber álcool, coisa sem problema porque sempre bebi pouco. Mas com os meses a passar veio uma vontade enorme de um bom copo de vinho tinto!”

No final do seu longo texto, a mãe de Inês Castel-Branco pede desculpa pelos “muitos objetivos que não consegui alcançar. A prostração era demasiada. Mas dêem-me só mais uns dias e estarei de volta! Se entretanto não cair em mais nenhum buraco da calçada de Lisboa. E principalmente, se Deus quiser”.

A tuberculose latente consiste na infeção dos indivíduos pelo mycobacterium tuberculosis com o bacilo de Koch controlado pelo sistema imunitário do indivíduo. Este impede a multiplicação das bactérias e impede o desenvolvimento de lesões no organismo. Não despoleta quaisquer tipos de sintoma ou sinal (como acontece na tuberculose ativa) e não é contagioso.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras