Nas Bancas

Emili Sindlev: o cinzentismo não atrai esta dinamarquesa

Se há coisa que salta à vista no estilo que esta jovem “stylist” e influenciadora dinamarquesa exibe no seu dia a dia é a mistura de cores e padrões. Charme e personalidade não lhe faltam.

Ana Oliveira
26 de maio de 2018, 10:30

Verde, roxo, amarelo, rosa, vermelho, laranja: não há cores proibidas para Emili Sindlev, uma dinamarquesa de 20 anos que trabalha como stylist por conta própria e tem já milhares de seguidores no seu Instagram. Com um guarda-roupa que parece uma verdadeira ode à primavera e à alegria, Emili diz que “a expressão ‘demasiado’ não existe no meu vocabulário”, referindo-se à liberdade com que mistura cores e padrões. Diz ela que a moda é a sua forma de comunicar com os outros e que se lhe pedirem para identificar o seu coordenado de eleição não hesita: um vestido máxi estampado e um par de ténis.
Recém-chegada ao mercado de trabalho, Emili já tem no currículo um ano de trabalho como assistente de moda na Cover Magazine dinamarquesa. O espírito criativo e a vontade de vencer desta jovem são tão marcados que já conseguiu a oportunidade de trabalhar com marcas internacionais de relevo como a Calvin Klein ou a Chanel.

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras