Nas Bancas

Karl Lagerfeld critica modelos que se queixam de assédio

As declarações recentes do estilista estão a causar polémica.

CARAS
15 de abril de 2018, 13:00

Num mundo pós-escândalo Weinstein, em que muitos homens têm atenção ao que dizem, como o dizem e a quem o dizem, Karl Lagerfeld gerou controvérsia ao criticar publicamente as modelos que se queixam de serem apalpadas em trabalhos. O designer de 84 anos, que é responsável pela sua marca homónima e ainda pela Fendi e Chanel, concedeu uma entrevista a Philip Utz da Numéro Magazine em que começa por revelar o que pensa do Movimento #MeToo. "Estou farto disso. Nem sequer como porco [em França, o movimento é conhecido como #BalanceTonPorc]. O que me choca mais são as vedetes que demoraram 20 anos a lembrar-se do que aconteceu. Isto para não falar do facto de não haver testemunhas de acusação. Dito isto, não suporto o Sr. Weinstein. Tive um problema com ele na [gala] amfAR", disse o ícone do mundo da moda.

De seguida, Lagerfeld foi questionado sobre se os movimentos #MeToo e #Time’sUp afetaram o seu trabalho e teve uma reação igualmente bizarra. "Claro que não", respondeu. "Li em algum lado que agora temos de perguntar a uma modelo se ela se sente confortável a posar. É simplesmente demasiado. De agora para a frente, como designer, não se pode fazer nada", desabafou. "Quanto às acusações contra o pobre Karl Templar [diretor criativo da revista Interview], não acredito numa palavra. Uma rapariga queixou-se de que ele tentou puxar-lhe as calças para baixo e ele foi instantaneamente excomungado de uma profissão que até então o venerava. É inacreditável. Se não querem que vos puxem as calças para baixo, não se tornem modelos! Juntem-se a um convento de freiras. Há sempre um lugar para vocês no convento. Eles até estão a recrutar!"

Palavras-chave

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras