Nas Bancas

Brad Pitt e Angelina Jolie ainda não chegaram a acordo

O casal anunciou a separação em 2016.

CARAS
8 de fevereiro de 2018, 16:36

Angelina Jolie e Brad Pitt receberam aprovação judicial para estenderem o prazo das negociações sobre o divórcio. Os dois atores pediram o divórcio em 2016, mas ainda não foi tomada nenhuma decisão sobre os bens que têm em conjunto nem sobre a custódia dos flhos Maddox, de 16 anos, Pax, de 14, Zahara, de 13, Shiloh, de 11 e dos gémeos Knox e Vivienne, de nove anos.

Fonte próxima do casal, revelou à revista The Blast, que as negociações entre o ex-casal têm sido pacíficas e "muito amigáveis".

Assim, Angelina e Brad Pitt garantiram que as negociações sobre todos os aspetos do seu divórcio vão continuar longe do olhar do público. No ano passado, foi feito entre ambos um acordo temporário sobre a custódia dos filhos, no qual as crianças ficaram a viver com a mãe, tendo visitas regulares do pai. No entanto, Brad Pitt continua a insistir que quer a guarda partilhada dos filhos.

No verão passado circulou o rumor de que o casal tinha suspendido o processo de divórcio, o que deu azo a especulações sobre uma possível reconciliação. No entanto, esta possibilidade foi rapidamente desmentida por fontes próximas do ex-casal, que afirmaram que tal possibilidade"não podia estar mais longe da verdade".

Recorde-se que Angelina Jolie e Brad Pitt se conheceram em 2004, durante as gravações do filme "Mr. and Mrs. Smith", onde interpretaram as personagens principais. Na época, o ator namorava com a também atriz Jennifer Aniston, relação que terminou em 2005. No mesmo ano, Brad Pitt e Angelina Jolie assumiram a relação.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras