Nas Bancas

Claire Foy viveu momentos difíceis após ser descoberto tumor cerebral do marido

A atriz da série 'The Crown', da Netflix, viveu momentos difíceis após o diagnóstico feito a Stephen Campbell Moore.

CARAS
29 de janeiro de 2018, 15:25

Enquanto gravava a segunda temporada da série The Crown, Claire Foy andava sob enorme stresse. E o motivo foi agora revelado.

O companheiro da atriz, Stephen Campbell Moore, também ator, foi diagnosticado com um tumor benigno na glândula pituitária, na base do cérebro.

O casal recebeu a notícia no final de 2016, quando a filha de ambos tinha menos de dois anos.

"Percebes que não és a pessoa mais importante naquele processo. Toda a gente que te ama sofre muito mais. A minha filha não sabia o que se passava, mas a minha família sim. E eu via o sofrimento neles", disse Stephen ao jornal britânico The Sun.

Apesar do choque, o ator foi operado no verão de 2017 e o tumor foi removido. "Há certas coisas que garantes fazer antes de entrar para a cirurgia. Escreves uma carta. Mas é tudo baseado naquela 'não-hipótese' de que algo vai correr mal, porque acreditas com todas as forças que vai correr bem. Acordar e ser informado que a operação tinha sido bem sucedida foi um grande alívio", acrescentou.

Infelizmente, Claire Foy já está familiarizada com doenças. Ela própria teve uma infância e adolescência marcadas por momentos complicados a nível de saúde.

Aos 13 anos, quando levava uma vida bastante ativa, desenvolveu artrite juvenil. As muletas, os joelhos inchados e a impossibilidade de se movimentar como as suas colegas, abalaram a confiança da atriz.

Contudo, foi aos 17 anos que travou a maior batalha. Foi-lhe diagnosticado um tumor no olho. "Foi horrível e debilitante, mas fez-me perceber que tinha de agarrar a vida que queria. Se isto não tivesse acontecido, não sei se teria sido capaz de dizer que queria estudar drama", revelou.

Apesar de tudo, Claire teve sorte. O tumor era benigno e não foi necessária uma cirurgia que poderia tê-la deixado desfigurada. "Sou uma sortuda por ter uma cara sequer. Eu era um pouco como um 'ciclope' [figura da mitologia grega de um só olho] e foi muito assustador. Estive sob o efeito de esteróides durante cerca de um ano e meio após o tratamento, o que leva a um grande aumento de peso e envelhece muito a pele", acrescentou a atriz.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras