Nas Bancas

Brasileira Izabel Goulart também é “top model” fora das “passerelles”

A modelo brasileira, cuja imagem de marca são os seus inseparáveis óculos escuros, tem desfilado para as mais conceituadas marcas de roupa, posado para os fotógrafos mais famosos e tem sido capa das principais revistas de moda a nível internacional.

CARAS
21 de janeiro de 2018, 20:00

Na escola chamavam-lhe girafa, por ser muito alta – 1,77 m – e extremamente magra. Mas isso não foi motivo de sofrimento por muito tempo: Izabel Goulart tinha apenas 14 anos quando lhe sugeriram que seguisse uma carreira de modelo. A ideia foi amadurecendo e três anos depois a jovem brasileira acabou mesmo por ir viver para São Paulo e rapidamente se impôs no mundo da moda, onde, aos 33 anos, continua a dar cartas. De tal forma que quando, no verão passado, se soube que não tinha sido selecionada para o desfile de novembro da Victoria’s Secret – marca para a qual desfilava ininterruptamente desde 2005, tendo usado as famosas asas de anjo entre 2005 e 2008 –, houve um coro de revolta entre os seus quatro milhões de seguidores no Instagram.
Izabel mostrou savoir faire, desejando boa sorte às colegas escolhidas pela famosa marca de lingerie, mas, em simultâneo, partilhou uma foto em biquíni para mostrar que continua em excelente forma física. Mas não é só a silhueta impecável que faz da top model brasileira – que vive em Paris com o namorado, o futebolista alemão Kevin Trapp – uma referência, e sim o impecável sentido de estilo que desfila em cada momento, mesmo quando a sua opção é um par de jeans conjugado com um biker.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras