Nas Bancas

Harvey Weinstein agredido e insultado à saída de restaurante

O produto de Hollywood, acusado de abuso por mais de 80 mulheres, jantava no estado do Arizona, onde estará a fazer tratamento por adição sexual.

CARAS
11 de janeiro de 2018, 13:40

Harvey Weinstein está no centro das notícias desde que em outubro passado foi acusado por mais de 80 mulheres de assédio e múltiplos abusos sexuais. O produtor de Hollywood, de 65 anos, começou por negar as acusações, mas estará numa clínica de reabilitação no Arizona, estado norte-americano, a fazer tratamento por adição sexual.

Foi por lá, num restaurante de luxo, que um homem o abordou para elogiar os seus filmes e pedir uma fotografia, que o produtor terá recusado. À saída, o homem, de quem se sabe apenas o primeiro nome, Steve, voltou a aproximar-se de Weinstein, esbofeteando-o por duas vezes.

Próximos de ambos estavam um amigo de Steve, que filmou o momento, e o coach de Weinstein, que ia colocando a mão à frente da câmara para evitar, sem sucesso, que a agressão e os insultos que se seguiram ficassem registados. Não é claro se o ataque se deveu ao episódio passado poucos minutos antes ou se, dadas as palavras de Steve, está relacionado com as agressões sexuais da celebridade norte-americana.

Recorde-se que, segundo a US Weekly, Harvey Weinstein e a mulher, Georgina Chapman, têm já tudo acertado para o divórcio.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras