Nas Bancas

Charlie Rose

Charlie Rose

Stephen Lovekin

Apresentador Charlie Rose suspenso após denúncia de assédio

O conceituado entrevistador norte-americano é acusado de assédio sexual por oito mulheres.

CARAS
21 de novembro de 2017, 12:39

Charlie Rose, de 75 anos, um dos mais conceituados jornalistas norte-americanos, foi suspenso esta segunda-feira, 20 de novembro, pelas cadeias televisivas CBS e PBS, após ter sido acusado de assédio por oito mulheres.
O caso foi divulgado pelo jornal The Washington Post, que publicou o testemunho de oito mulheres que acusam Rose de avanços sexuais como conversas telefónicas obscenas, andar nu à frente delas ou apalpões. Todas estas mulheres trabalhavam para o entrevistador ou aspiravam a trabalhar durante o período em que foi transmitido o programa Charlie Rose, na PBS. Os episódios relatados terão acontecido desde o final dos anos 1990 até 2011, período em que estas mulheres teriam entre 21 e 37 anos de idade.
Após a divulgação desta notícia, o jornalista foi suspenso pela cadeia norte-americana CBS, onde apresenta os programas CBS This Morning e 60 Minutes. Já a PBS anunciou a interrupção da distribuição do seu programa de entrevistas.
Das oito mulheres que acusaram o entrevistador, cinco falaram sob a condição de anonimato com medo de sofrerem represálias. Charlie Rose também já reagiu à acusação e pediu desculpa pelo seu comportamento no passado, ressalvando que algumas das denúncias não são totalmente verdadeiras.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras