Nas Bancas

GettyImages-687430878.jpg

Getty Images

Harvey Weinstein expulso da Academia norte-americana que atribui os Óscares

Após escândalo de assédio e chantagem sexual.

Lusa
15 de outubro de 2017, 10:48

A Academia norte-americana de Cinema e Ciências Cinematográficas, que atribui os Óscares, anunciou hoje que decidiu expulsar o produtor Harvey Weinstein, acusado de assédio, agressão sexual e violação de mulheres.
Reunida hoje de urgência, a Academia votou esta decisão "bastante para além da maioria necessária de dois terços", anunciou a entidade num comunicado.
"Não somente nos distanciamos de alguém que não merece o respeito dos colegas, mas enviamos uma mensagem clara de que o tempo da ignorância deliberada e a cumplicidade vergonhosa relativamente a comportamentos de agressão sexual e assédio no local de trabalho na nossa indústria acabou", indica ainda a Academia.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras