Nas Bancas

Noivos, Patrícia Pereira da Silva e Luís Carvalho planeiam aumentar a família

Juntos há aproximadamente um ano e meio, o empresário e a antiga auditora já estão a preparar o seu casamento. Patrícia assume ainda que tem o desejo de voltar a ser mãe muito em breve.

Marta Mesquita
2 de setembro de 2017, 14:00

Patrícia Pereira da Silva, de 38 anos, mudou completamente de vida para seguir o seu coração. Ao lado de Luís Carvalho, de 51, a antiga auditora renasceu e passou a sentir-se “com forças para enfrentar tudo”, como admite. Juntos há aproximadamente um ano e meio, o proprietário do Comporta Café e a relações-públicas e responsável pelos recursos humanos deste espaço estão noivos e planeiam o casamento, cuja data ainda não revelam. Ambos com filhos de anteriores relações – Patrícia é mãe de Teresa, de seis anos, e de Leonor, de quatro, e Luís é pai de Tânia, de 24, de Matilde, de dez, e de Salvador, de oito –, já querem muito alargar a família, como partilharam num final de tarde passado na Praia CARAS, na Comporta.
– Os sítios acabam por moldar o estilo de vida e a personalidade de quem lá vive. A Patrícia já se sente da Comporta?
Patrícia Pereira da Silva
– Sim. Já me sinto no direito de dizer que a Comporta é um bocadinho minha. Não me imagino sem o Comporta Café. Identifico-me muito com todo este ambiente.
– Mas não passam o ano todo aqui, pois não?
– Não. No verão estamos aqui o tempo todo, mas no inverno estamos em Lisboa. As minhas filhas têm passado verões muito felizes aqui. Durante este ano e meio ainda tivemos de ir para o Porto [onde vive o ex-marido de Patrícia com as filhas]. Mas também vai haver mudanças nessa logística. Elas vêm connosco para Lisboa.
– Esse era o seu grande objetivo desde que se separou. Como é que está esse processo da guarda das suas filhas?
– Ainda não está concluído. Continuamos a ter a guarda partilhada no Porto. Mas o processo já chegou a um ponto em que já foi feito tudo o que havia a fazer, como relatórios e coisas do género. Agora, com a reabertura dos tribunais em setembro, aguardamos uma nova decisão judicial para tranquilamente iniciarmos a nova vida familiar em Lisboa. Obviamente que o Porto e o pai continuarão nas suas vidas, mas passam a ter a sua base em Lisboa, para onde elas estão desejosas de ir.
– Como é que tem sido para o Luís adaptar-se a toda esta logística?
Luís Carvalho
– Tem sido uma experiência diferente. A Patrícia é uma guerreira, que batalha pelas filhas. Tenho-lhe dado todo o apoio. E é ótimo sermos sete, porque eu também tenho três filhos. Juntos, somos uma família muito interessante. Os miúdos adaptaram-se muito bem uns aos outros.
Patrícia – Por enquanto, somos sete, mas qualquer dia passamos a ser oito. Queremos muito ter um filho. E a qualquer momento pode acontecer. É um desejo que temos há bastante tempo. E os nossos filhos também querem. As minhas filhas já não falam noutra coisa. A Teresinha quer que o bebé fique a dormir ao pé dela e da irmã. Quer mudar as fraldas, dar o biberão... É ótimo ver como os nossos filhos estão envolvidos neste projeto familiar.
– E o casamento também faz parte dos vossos planos, uma vez que estão noivos…
– Sim. Fui surpreendida com um pedido de casamento e ficámos noivos!
Luís – Temos uma relação muito cúmplice. Tem sido fantástico partilhar a vida com a Patrícia. Por isso faz-nos todo o sentido dar esse passo.
Patrícia – Já nos sentimos casados e até vamos dar esse passo mais pelos filhos. Eles falam muito nisso, até a Tânia, a filha mais velha do Luís. A Teresinha diz que vai organizar o casamento! E se calhar ainda acontece este ano.... Vamos ver. E claro que será aqui no Comporta Café.
– Tem, portanto, valido a pena enfrentar todas as dificuldades para ficarem juntos...
– Tem sido uma história com muitos desafios, mas tem valido a pena. Antes de conhecer o Luís, não me sentia feliz nem realizada. Com ele renasci e sinto-me com forças para enfrentar tudo. A nossa vida é extremamente complicada e exigente, mas desde que tenha o Luís ao meu lado está tudo bem. Ele trouxe-me a energia que me faltava. Temos um projeto de vida.
Luís – A Patrícia veio completar-me. Temos muito em comum, e a nossa cumplicidade é única. Como trabalhamos lado a lado, estamos quase 24 horas por dia juntos e corre tudo bem. Temos vivido uma experiência ímpar.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras