Nas Bancas

Maria Vieira esclarece comentários polémicos no Facebook

“Sou eu que escrevo”, garante a atriz.

CARAS
31 de agosto de 2017, 15:19

Ao longo dos últimos meses, Maria Vieira fez algumas publicações polémicas nas redes sociais sobre temas da atualidade. Os ‘alvos’ foram Salvador Sobral, Dolores Aveiro, Diogo Morgado, Marcelo Rebelo de Sousa e António Costa, entre outras personalidades. Donald Trump tem sido, também ele, protagonista de muitos posts, mas esses são sempre elogiosos.
Perante os comentários pouco consensuais e críticos da atriz, de 60 anos, são muitos os amigos que confessam não a reconhecer e que defendem que quem está por detrás dos mesmos é o seu marido, Fernando Rocha. Algo que Maria Vieira fez questão de esclarecer esta quarta-feira, 30 de agosto, durante a sua participação no programa Você na TV, da TVI, onde esteve a falar do seu mais recente livro, Maria Vieira no País do Facebook, uma compilação de textos publicados nesta rede social. “Sou eu que escrevo os textos que aparecem na página de Facebook, afirmou categoricamente quando questionada por Cristina Ferreira sobre a autoria dos posts.
A apresentadora falou ainda do facto de a atriz ser, alegadamente, vítima de violência doméstica, segundo os amigos. Maria Vieira não só negou como reforçou que tem um casamento feliz há 33 anos. “Amo o meu marido. O meu marido ama-me. Se calhar até é por isso que as pessoas me invejam. E isso é de uma injustiça e de uma maldade tão grande… Temos uma vida tão feliz”, emocionou-se.
Já mais para o final da conversa, Cristina Ferreira quis saber como a atriz vê o facto de a sua colega Ana Bola não lhe poupar críticas. Sem se alongar, Maria Vieira pediu apenas para que não se falasse “dessa senhora”, com a qual não tem qualquer contacto “há quase quatro anos”.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras