Nas Bancas

Marcelo Rebelo de Sousa interrompe férias no Algarve devido à tragédia na Madeira

Encontrámos o Presidente da República a desfrutar dos tradicionais dias de descanso na praia do Gigi, na companhia de Rita Amaral Cabral. Férias que foram interrompidas devido à queda da árvore na Madeira, que provocou 13 mortos e dezenas de feridos.

Joana Carreira
19 de agosto de 2017, 16:00

Marcelo Rebelo de Sousa é, já se sabe, um fã incondicional de praia. Se ao longo do ano é comum vê-lo frequentar as praias da Linha de Estoril, no verão não dispensa as suas tradicionais férias na praia do Gigi, na Quinta do Lago. “Venho para aqui porque já é uma tradição, mas a história é antiga. Há 30 anos, quando os meus filhos eram pequenos, ia habitualmente para o Alvor. Depois eles cresceram e, como os amigos estavam deste lado do Algarve, convenceram-me a mudar o destino de férias para aqui. Isto aconteceu no final dos anos 80. Nos últimos sete anos, desde que os meus netos foram para o Brasil, as férias ficaram divididas em dois: em julho, quando eles interrompem o ano letivo e cá vêm, e em agosto. Este ano o plano falhou, porque eles vieram na altura em que eu estava em visita oficial ao México. Só estive com eles em Lisboa, durante poucos dias”, revelou.
Estes dias de descanso são partilhados com a advogada Rita Amaral Cabral, sua companheira há mais de 30 anos. Os mergulhos no mar e os momentos de leitura ocupam a maior parte dos dias de praia. “Este ano, estou cá mais tempo. São praticamente dez dias úteis”, adiantou o Presidente, explicando-nos o seu dia a dia durante este intervalo na rotina, mas não completamente isentos de trabalho: “Descanso assim assim! De manhã trabalho um bocadinho e venho para a praia por volta da hora do almoço. Trago coisas para ver na praia, fico até ao fim da tarde e à noite trabalho novamente. Pelo meio, há muitos telefonemas para acompanhar tudo o que se passa no país. Nado muito e leio muito. Desde que cá estou, já terminei três livros, vou no quarto”, contou.
Tal como a CARAS testemunhou, tanto no areal da praia como na espreguiçadeira onde se encontrava, Marcelo é constantemente abordado por crianças e jovens para tirar selfies. Acede sempre com a espontaneidade e a boa disposição que o caracterizam, dispensando um sorriso a todos.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras