Nas Bancas

Halle Berry recorda tempo vivido em centro para sem-abrigo

Atriz abdicou do conforto da casa dos pais para se tornar numa estrela de Hollywood.

CARAS
10 de agosto de 2017, 14:53

Hoje o nome de Halle Berry consta na lista das atrizes mais bem-sucedidas de Hollywood, mas nem sempre foi assim. Quando decidiu apostar numa carreira na área da apresentação, abdicou do conforto da casa dos pais e com o pouco dinheiro que tinha mudou-se de armas e bagagens para Nova Iorque. Tinha então 21 anos. “Peguei no dinheiro que tinha ganho como manequim e pensei que até era uma quantia considerável! Mas depois de me mudar para Nova Iorque percebi que não era bem assim…. Passados três esses não tinha nada e liguei para a minha mãe, a pedir que me enviasse dinheiro, mas ela recusou”, lembra Halle Berry durante uma entrevista para a revista People. “Foi provavelmente a melhor coisa que me aconteceu, porque me fez crescer. Ela disse-me que se eu queria estar ali podia ficar, mas tinha de arranjar maneira de me sustentar. E eu pensei: ‘Ela acha que não sou capaz’. E isso motivou-me, deu-me vontade de lutar e vencer. Foi nessa altura que passei a viver num centro de apoio a sem-abrigo”, conclui.
Aos 50 anos e com uma carreira sólida, a atriz diz-se feliz por ter alcançado o sucesso, mas também por ter dois filhos “maravilhosos”: Nahla, de oitos anos, nascida da relação com o modelo canadiano Gabriel Aubry, e Maceo, de três, fruto do casamento com o ator e realizador francês Olivier Martinez.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras