Nas Bancas

2014-09-01-Judite-Sousa.jpg

DR

Judite Sousa fortemente criticada pela reportagem no incêndio de Pedrógão Grande

Em causa está o enquadramento escolhido para o direto, em que a jornalista da TVI aparece ao lado do corpo de uma das vítimas da tragédia.

CARAS
19 de junho de 2017, 13:23

Judite Sousa esteve este domingo, 18 de junho, em Pedrógão Grande, no distrito de Leiria, onde o incêndio que deflagrou na tarde de sábado já fez pelo menos 62 mortos e mais de 130 feridos. A reportagem para o Jornal das 8, da TVI, está a ser alvo de fortes críticas nas redes sociais, porque a jornalista surge ao lado do corpo de uma das vítimas desta tragédia. "Está um corpo aqui ao meu lado, de uma senhora, que ainda não foi recolhido, apesar de os bombeiros se encontrarem muito perto deste local”, disse Judite Sousa ao apontar para o corpo apenas coberto por um lençol branco, num perímetro de segurança delineado pelas autoridades.
A imagem e as declarações chocaram os internautas e muitos pedem respeito pelas vítimas e os seus familiares. Entre eles, o apresentador Hélder Reis, da RTP, que também comentou o sucedido na sua página oficial de Facebook. “Para mim, como cidadão e profissional de comunicação, isto não pode ser. Fazer televisão ao lado de um corpo. Não, não. Este não é o caminho. Lamento. Estou em choque”, escreveu.
Muitos lembram também que Judite Sousa passou por momentos muito difíceis há três anos, quando o seu único filho, André Sousa Bessa, morreu na sequência de uma queda numa piscina. Na altura, a jornalista pediu respeito pela sua dor e privacidade e os que agora é acusada de não ter o mesmo sentimento de compaixão ao olhar para esta tragédia que destruiu praticamente todo o concelho de Pedrógão Grande.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras