Nas Bancas

A partilha entre Paulo de Carvalho e Agir: “Juntos, estamos em casa”

Em palco, Paulo de Carvalho e Agir interpretaram um ‘medley’ que lhes valeu uma ovação no final. Cúmplices, partilharam o orgulho que sentem um pelo outro e por poderem cantar juntos.

Vanessa Bento
4 de junho de 2017, 10:00

No ano em que completa 70 anos de vida e 55 de carreira, Paulo de Carvalho protagonizou um dos melhores momentos da XXII gala dos Globos de Ouro. Uma partilha, em palco, com o filho Agir, que mostrou, entre acordes de músicas que tão bem conhecemos, a cumplicidade, carinho e admiração mútua que os une. “Juntos, estamos sempre em casa. Protegemo-nos um ao outro. O meu pai é uma inspiração. Seja a nível musical, seja como pessoa, na sua forma de estar na vida”, sublinhou Agir, perante o olhar embevecido do pai.“Gosto muito do que faço, e essa é a parte mais importante. Tenho uma carreira muito feliz. E sinto-me cheio de força para continuar a fazer mais e melhor”, reconheceu Paulo, assumindo, com orgulho: “O meu filho é um belíssimo profissional e é muito fácil trabalhar com ele.”

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras