Nas Bancas

Sofia Ribeiro revoltada com as notícias sobre a doença do pai

Jorge Barros luta contra um cancro no pulmão.

CARAS
27 de maio de 2017, 10:27

Sofia Ribeiro está novamente a viver uma fase mais delicada. O pai da atriz, Jorge Barros, luta contra um cancro no pulmão e encontra-se internado há várias semanas num hospital de Lisboa.
Indignada com o que se tem escrito na imprensa nacional, a Sofia, de 32 anos, decidiu esclarecer o assunto nas redes sociais com uma longa mensagem e uma fotografia abraçada ao progenitor.
"Só vou falar deste assunto uma vez e faço-o porque desde ontem, desde que saiu uma capa vergonhosa com um título maldoso, induzindo as pessoas em erro, enganando-as, onde podiam ler em letras garrafais "Sofia Ribeiro, Novo Cancro" desde ontem, o meu telefone e pior, o do meu pai não para.
Escrevo porque peço respeito!
Eu não estou doente, graças a Deus está tudo bem comigo. O meu pai sim, está doente, infelizmente está! E o meu pai ao contrário de mim, não quer partilhar nada sobre o tema, nem tem que o fazer. Quer recato e tem esse direito e merece respeito!
Estou e estarei ao seu lado como sempre, como desde o primeiro dia. Porque apesar de todas as diferenças, apesar de não ter sido um pai presente... eu AMO-O e tudo farei para o ver bem e de saúde.
Ele vai ficar bem, eu sei que vai!
Está rodeado de amor. No meio da dor que este sacana provoca, coisas lindas acontecem... Toda uma família de irmãos, tios, primos...ao fim de muitos anos está junta de novo, unida com o mesmo propósito, amor! Sinto-me muito orgulhosa por isso. Porque eu acredito que o amor cura, acredito com todas as minhas forças e continuarei a acreditar.
Por isso, muito obrigada por todas as mensagens de carinho que me enviaram. As boas energias são bem vindas! Obrigada.
E peço a estas revistas e jornais que por favor deixem o meu pai em paz. Parem de lhe ligar para o hospital e para o telemóvel, é vergonhoso. Paz e respeito por favor. Sei que é difícil saberem do que falo mas espero do fundo do coração que não aprendam da pior forma, passando pelo mesmo.
Já agora se for possível parem de arranjar cancros à minha mãe também, a minha mãe graças a Deus nunca teve Cancro nenhum nem terá se Deus quiser. O maior Cancro deste meio são alguns de vocês.
Os que não respeitam a dor. Os que vem uma ferida aberta e fazem questão de lhe jogar álcool como se um chouriço fossem assar.
Parem por favor! Peço. Não vale tudo. Dar notícias não é fazer sofrer os intervenientes.
Vai dar tudo certo"
, escreveu.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras