Nas Bancas

GettyImages-597572000.jpg

Getty Images

Ariana Grande anuncia concerto solidário em Manchester

Após explosão no final do seu concerto da passada segunda-feira, dia 22, na qual morreram 22 pessoas.

CARAS
27 de maio de 2017, 18:13

Ariana Grande promete voltar a Manchester após a tragédia da passada segunda-feira, dia 22, onde um homem se fez explodir à saída da Arena da cidade no fim do seu concerto, provocando 22 mortos e mais de 50 feridos.
Horas depois da explosão, reivindicada pelo Estado Islâmico, a jovem cantora, de 23 anos, anunciou a suspensão da sua digressão mundial, mas agora está empenhada em homenagear as vítimas num espetáculo beneficente. "Não há nada que eu, ou alguém, possa fazer para aliviar ou fazer desaparecer a dor que estão a sentir. Vou regressar à incrivelmente corajosa cidade de Manchester para dedicar o meu tempo aos meus fãs e para um concerto de beneficência em honra das vítimas e as suas famílias e para angariar dinheiro para elas", afirmou num comunicado divulgado ontem.
A intérprete de Bang Bang garantiu ainda o seu apoio à cidade inglesa. "Não quero passar o resto do ano sem ser capaz de ver e proteger e animar os meus fãs, da mesma maneira que me têm animado. A nossa resposta a esta violência tem de passar por nos unirmos, ajudar-nos uns aos outros, amar mais, cantar mais alto e viver de forma mais bondosa e generosa do que fizemos até agora", acrescentou.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras