Nas Bancas

‘Mãe de sete’, Mariana d’Avillez ensina como descomplicar a maternidade

A veterinária é casada com Miguel Arrobas e tem sete filhos com idades compreendidas entre os 14 anos e os oito meses. No livro ‘Mãe de Sete’, a autora partilha o seu dia-a-dia e dá dicas de organização e gestão familiar.

CARAS
21 de maio de 2017, 18:00

Diz-se que um filho muda radicalmente a vida de um casal. Imagine-se sete. E é esta realidade de uma família numerosa que Mariana d’Avillez partilha no seu livro, Mãe de Sete. Ao leme desta aventura familiar, a veterinária assegura que parece mais difícil do que na realidade é e que o segredo para “manter a sanidade mental” é o trabalho de equipa: “As pessoas imaginam logo sete bebés de dois anos e uma mãe que não dorme há meses e que não tem tempo para se vestir ou tomar banho. E, no nosso caso, temos filhos com idades diferentes, e a partir do quarto já os mais velhos tinham um papel participativo na família. Somos uma equipa de nove pessoas, que se ajudam mutuamente. Não é nenhum pesadelo, apesar de às vezes eu parecer uma malabarista. Tudo se consegue com paciência, amor e com a consciência de que não somos perfeitos. Quando as coisas não correm tão bem, pedimos desculpa e continuamos a tentar dar o nosso melhor. O Miguel e eu sempre quisemos ter uma família numerosa e estamos muito felizes.”
Coube ao ator Pedro Lima, com o seu ‘estatuto’ de pai de cinco, apresentar este livro, no qual acabou por se rever, como admite: “Eles são muito organizados e simplificam o seu dia-a-dia. Contudo, o simples não é sinónimo de fácil, muito pelo contrário! Eu bem sei como, por vezes, é difícil. Mas como a Mariana diz, eles têm muitos filhos porque acreditam que este mundo pode ser bom e isso é muito bonito. A família é a sua missão e vocação.”

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras