Nas Bancas

Cristiano Ronaldo: Férias em Marrocos depois de ter desmentido notícia polémica

O jornal alemão ‘Der Spiegel’ diz que o jogador pagou para abafar uma alegada acusação de violação. Ronaldo negou e foi de férias.

CARAS
28 de abril de 2017, 14:00

Os últimos dias foram agitados para Cristiano Ronaldo, depois do jornal alemão Der Spiegel ter publicado uma notícia na qual afirma que, em 2009, o jogador português teria pago 258 mil euros a uma jovem norte-americana para que não o acusasse de uma alegada violação. A Gestifute, empresa que gere a carreira do futebolista, emitiu um comunicado em que garante que a história é completamente falsa: “Trata-se de uma peça de ficção jornalística. A suposta vítima recusa ser identificada e corroborar a estória. E todo o enredo se baseia em documentos não assinados e em que as partes são identificadas por códigos, em e-mails entre advogados que não dizem respeito a Cristiano Ronaldo e cuja autenticidade ele desconhece, e numa suposta carta que teria sido enviada pela putativa vítima, mas que ele nunca recebeu. A reportagem do Der Spiegel é falsa e Cristiano Ronaldo agirá contra esse órgão de comunicação social por todos os meios ao seu alcance. A imputação de uma violação é uma acusação nojenta e ultrajante que não pode ficar em claro.”
Depois deste esclarecimento, Cristiano Ronaldo partiu para Marraquexe, em Marrocos, onde passou o fim de semana da Páscoa na companhia da família, aparentemente sem a namorada, a espanhola Georgina Rodriguez. Dias antes da polémica, os dois tinham sido fotografados em Madrid, como mostramos na página ao lado.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras