Nas Bancas

1.jpg

Afonso Reis Cabral recebe prémio

O autor do romance ‘O Meu Irmão’, vencedor do Prémio Leya 2014, venceu o Prémio Europa - Cátedra David Mourão-Ferreira na categoria de Promessa.

Divulgação
11 de abril de 2017, 15:35

O escritor Afonso Reis Cabral é uma das duas personalidades a quem acaba de ser atribuído o Prémio Europa - Cátedra David Mourão-Ferreira, cujo júri, presidido por Eduardo Lourenço distinguiu, também, António Guterres. O autor do romance O Meu Irmão, vencedor do Prémio Leya 2014, foi o escolhido na categoria de Promessa, que tem por objetivo galardoar uma personalidade emergente no campo artístico. Já o atual Secretário-Geral das Nações Unidas foi o premiado na categoria de Mito, que visa premiar a carreira de uma personalidade eminente da cultura lusófona que se tenha evidenciado no campo das letras, das artes e da política.
Lídia Jorge também foi homenageada com um prémio especial do júri.
Estes prémios já vão na 6.ª edição e têm como objetivo contribuir para divulgação da língua e da cultura portuguesas nos países da União Europeia e do Mediterrâneo. Nas cinco edições anteriores foram consagrados Manoel de Oliveira, Frederico Lourenço, Mário Soares, Jacinto Lucas Pires, Vasco Graça Moura, Daniel Jonas, Camané, Miguel Gomes, António Lobo Antunes e Salomé Freitas, por decisão de um júri que, sempre presidido por Eduardo Lourenço, integrou nomes como os de Luciana Stegagno Picchio, Maria José de Lancastre, Antonio Tabucchi, Richard Zenith e Fernanda Toriello, promotora do prémio e responsável científico pela Cátedra David Mourão-Ferreira.
A cerimónia de entrega do Prémio Europa realizar-se-á em Itália, na Aula Magna da Universidade de Bari ‘Aldo Moro’, em data ainda por definir.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras