Nas Bancas

12 confissões de celebridades que mostram o lado menos bom da fama

São das pessoas mais invejadas do mundo, mas, sem pudor, em diversas ocasiões falaram do lado negro de se ser conhecido em todo o lado.

CARAS
25 de março de 2017, 20:14

Selena Gomez: 'Não há nada, para além de pressão constante'

Numa entrevista à Vogue norte-americana, Selena Gomez falou das circunstâncias que a levaram a decidir cancelar parte da Revival World Tour e a entrar em tratamento para a depressão e ansiedade. "Chorei em palco mais vezes do que as que consigo contar, e eu não fico 'fofa' a chorar", revelou sobre os efeitos de ser autêntica com os fãs o tempo todo. "As tournés são um sítio muito solitário para mim. A minha auto-estima foi abalada. Estava deprimida, ansiosa. Começei a ter ataques de pânico antes de entrar em palco, ou logo depois de sair. Basicamente, sentia que não era boa o suficiente, não era capaz. Sentia que não estava a dar nada aos meus fãs, e que eles conseguiam ver isso - o que acho que era uma completa distorção. "

Lady Gaga: "Pertences a toda a gente"

Numa entrevista reveladora à CBS Sunday Morning, a cantora falou sobre o seu novo álbum, 'Joanne', e também sobre algumas das suas lutas com a fama. "A partir do momento em que me mostro ao mundo, pertenço, de certa forma, a toda a gente. É legal seguirem-me, é legal que me persigam na praia. Não posso contar à polícia ou pedir-lhes que vão embora. E olhei para a minha propriedade e disse: 'bem se não posso ser livre lá fora, vou ser livre cá dentro' [e apontou para o coração]. Tenho saudades das pessoas. Sinto saudades de ir a qualquer lado e encontrar-me com alguém ao acaso e dizer 'olá' e ter uma conversa sobre a vida. Adoro pessoas".

Amy Schumer: "Eventos de glamour são um aborrecimento"

Durante uma visita ao Howard Stern Show, a comediante confessou que ir à gala ultra exlusiva da Met "foi como um castigo".

"São pessoas a fingir que estão a conversar.. Não gosto da farsa", explicou. "Estamos vestidos como um bando de imbecis". Schumer admitiu que escapou mais cedo do que era suposto da gala. "Conheci a Beyoncé e ela perguntou-me se era a minha primeira gala, e eu respondi 'é a minha última'."

Jennifer Lawrence: "Sair com alguém roça o impossível"

A super estrela de Hollywood falou com uma revista feminina sobre a dificuldadede sair com alguém. "Nunca ninguém me convida para sair, estou sozinha todas as noites de sábado. Os rapazes são tão maus para mim, eu sei o motivo: eles estão a tentar estabelecer dominância, mas magoam-me. Sou apenas uma rapariga que quer que um rapaz seja simpático para ela. Sou definitivamente heterossexual. Sinto que preciso de conhecer um homem que, com todo o respeito, tenha vivido em Bagdá durante os últimos cinco anos e que não faça ideia de quem eu sou."

Idris Elba: "A fama torna-te paranóico"

Elba confessou ao 'Loaded' que a sua cara famosa torna difícil confiar em potenciais interesses amorosos. "Às vezes não tens a certeza o que é real ou não, especialmente quando toca a relacionamentos. Se és adorado por milhões, às vezes mesmo na tua própria porta de casa podes ficar paranóico e constantemente questionar 'Quem é ele? Quem é ela?' Eu sei que fui culpado disso no passado."

Justin Bieber: "As pessoas dão-te pontapés quando estás em baixo"

A estrela pop discutiu as suas dificuldades na ribalta durante uma entrevista para a NME. "Tenho dificuldades só para aguentar o dia. Ficas solitário, sabes, quando andas em tour. As pessoas vêem o glamour e as coisas incríveis, mas não conhecem o outro lado. Esta vida pode destruir-te. Vi o documentário sobre a Amy Winehouse (Amy) no avião e tinha lágrimas porque consegui ver o que os media lhe estavam a fazer, como a estavam a tratar. As pessoas acharam que era engraçado empurrá-la quando ela já estava no chão, e continuaram até que não restasse nada dela própria. E era isso que estavam a tentar fazer comigo." Bieber detalhou o isolamento de ficar nos quartos de hoteis para evitar fãs e fotógrafos: "E sinto-me isolado. Estás no teu quarto de hotel e estão fãs e paparazzis a seguir-te para todo o lado, e fica intenso. Quando não podes ir a qualquer lado sozinho ou fazer alguma coisa, ficas deprimido. Não desejaria isto a ninguém."

Kylie Jenner: "É difícil ignorar má imprensa"

Jenner disse à revista 'Interview' que se sente constantemente ansiosa com as coisas desagradáveis que aparecem nos media. "Acordo todas as manhãs com uma ansiedade horrível. Não sei porquê. Tenho, tipo, um problema. Acordo todas as manhãs tipo às sete ou oito da manhã porque acho que há uma história má sobre mim, e tenho que confirmar. O meu pior medo é acordar e descobrir alguma coisa má sobre mim na internet."

George Clooney: "Não podes aproveitar pequenos prazeres"

Definitivamente, ser uma celebridade não é um passeio no parque. "A grande casa numa colina é isoladora. Não há outra forma de o dizer. Há restrições para este tipo de fama. Não entro no Central Park há 15 anos. Eu gostaria de o fazer, sabem?", disse o ator ao 'Esquire'.

Robert Pattinson: "Fama significa ser constantemente incomodado"

"Em L.A. tenho pelo menos 40 segundos desde o momento que chego a algum lado, até que me peçam um autógrafo", disse Pattinson à Premiere. De acordo com a estrela, as redes sociais tornam muito fácil que os fãs localizem os seus movimentos: "É culpa do twitter. Se este site não existisse, eu estaria em paz."

Megan Fox: "Experiencias Bullying a uma escala enorme"

A atriz usou uma analogia para explicar o quão brutal o tratamento do público para as celebridades pode ser. "Não acho que as pessoas compreendam. Todos pensam que devíamos calar-nos e para de nos queixar porque vivemos numa grande casa ou temos um Bentley. Por isso a nossa vida deve ser tão boa. O que as pessoas não percebem é que a fama, independentemente de qual foi a experiência na escola, a fama é sofrer de bullying. Não pelos 10 miúdos da escola mas por milhões de pessoas constantemente."

Johnny Depp: "Todos os teus passos têm de ser planeados cuidadosamente"

"[Ser famoso] é mais ou menos como viver como um fugitivo", disse Depp no 'Today'. "Tudo tem de ter alguma estratégia. Entrar no hotel, sair do hotel, entrar no restaurante, sair do restaurante. "

Daniel Craig: "Tudo o que fizeres em público vai ser fotografado"

Craig disse à 'Shortlist' que o aumento dos telemóveis com câmara mudou completamente a sua vida social. "[Os telemóveis] são a desgraça da minha vida. Levo com pessoas que me fotografam enquanto janto. Quero ser agressivo e não posso. Eles pensam que é direito deles tirar-me uma foto e eu acho isso incrivelmente incómodo. Mas todos os telemóveis têm câmaras, por isso como paramos? Não dá. Então como é que eu posso entrar num pub e beber umas canecas de Guinness e ficar um pouco animado e cantar umas músicas se há alguém que vai filmar e publicar na internet?"

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras