Nas Bancas

Carolina Patrocínio desfila elegância na ‘red carpet’ mais famosa do mundo: Veja todas as fotos

A apresentadora foi a enviada especial da SIC a Los Angeles. Durante vários dias, Carolina mostrou os bastidores da cerimónia dos Óscares.

Marta Mesquita
11 de março de 2017, 14:00

Pisar a red carpet mais famosa do mundo exige que se planeie o look ao pormenor. E foi o que Carolina Patrocínio, juntamente com o stylist Gonçalo Mello fizeram. Querendo evocar uma elegância intemporal, a enviada especial da SIC à grande noite dos Óscares optou por um vestido preto e pérola, com corte de sereia e cauda da Pronovias – Atelier Festa, uma criação que lhe foi sugerida pelo próprio diretor criativo da marca, Hervé Moreau. Para complementar este visual, Carolina escolheu uns brincos, anel e escrava em ouro e turmalinas rosa da Tous – Atelier Rosa Oriol e umas sandálias pretas de Luís Onofre.
Depois de ter ‘desfilado’ o charme português na passadeira vermelha, a apresentadora partilhou com a CARAS como viveu esta experiência única na sua carreira.
– Durante vários dias, a Carolina mostrou os bastidores dos Óscares ao público português, marcando ainda presença na grande noite do cinema mundial. Gostou desta experiência?
Carolina Patrocínio – Foram dias intensos de trabalho que me desafiaram muito profissionalmente. A pressão do direto, o rigor da informação de um evento desta dimensão, os timings de quem trabalha com oito horas de diferença horária de Portugal e, claro, todas as condicionantes da parte técnica e os problemas que parecem só surgir na hora ‘h’. No entanto, não poderia estar mais grata por esta oportunidade e pelo convite que a SIC me fez. Espero ter estado à altura.
– Foi fácil escolher o look para a grande noite dos Óscares? Foi amor à primeira vista?
– Não foi difícil, porque nesse campo tive uma grande ajuda. Devo-o ao Gonçalo Mello, meu amigo e stylist, que selecionou poucas opções, fazendo ainda o contacto com as marcas de que mais gosto. Atraiu-me o facto de ser um vestido com linhas sóbrias, elegante, que me transporta para o estilo Hollywood vintage. Sempre gostei de vestidos de corte sereia, com cauda, e fiquei rendida às costas deste.
– E qual foi o maior desafio que enfrentou ao longo destes dias de trabalho?
– O mais desafiante foi cumprir o plano de trabalhos atribuído, contornando os problemas que iam surgindo ao longo dos dias. Uma das aventuras mais stressantes foi ajudar e apoiar o Rui Mendes, o operador de câmara da SIC, a desmontar, literalmente, o computador portátil que levávamos de Lisboa e que avariou quando mais precisávamos dele!
– Pode descrever o ambiente que se vive nos bastidores de um evento tão grandioso como este?
– O ambiente é de enorme excitação e entusiasmo por parte dos turistas que se aglomeram junto ao teatro e que contrasta, naturalmente, com o rigor do staff da organização e segurança.
– Como é que se preparou? Estava muito ansiosa?
– Sim, confesso que estava ansiosa até tudo começar. Depois do primeiro dia tudo pareceu começar a fluir de forma mais natural. Preparei-me o melhor que pude. Escrevi as minhas intervenções, selecionando as informações e curiosidades que me pareceram mais engraçadas. Ensaiei bastante no local para sentir a energia do momento.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras