Nas Bancas

original.jpg

D.R.

Em viagem com Mikaela Lupu: Londres sob o meu olhar

A CARAS acompanha as aventuras da atriz Mikaela Lupu, atualmente a viver em Bournemouth, Inglaterra.

CARAS
21 de fevereiro de 2017, 15:54

"Vá lá, não existe comida tipicamente britânica!", palavras ditas pelo Paul, um dos professores do curso, e depois de um mês em UK percebi o porquê. Sendo eu adepta de comida caseira e muito esquisita com tudo o que já vem feito, devo confessar que senti saudades da minha cozinha todos os dias! Num modo geral e para quem leva um estilo de vida muito citadino, não há tempo para cozinhar e muito menos para caprichar no que se come, quanto mais prático for melhor, por isso é muito comum ver pessoas a fazer as refeições em metros, autocarros ou até em andamento! Mas um aspecto muito positivo em UK é a variedade, há de tudo para todos em todo o lado, é o paraíso para vegans, vegetarianos, pescaterian, adeptos de comida orgânica/saudável, ou até alimentação Halal que se refere à alimentação muçulmana (tem a ver com o que é permitido pela religião consumir, e em relação à carne, o abate é feito segundo "regras" específicas, caso contrário a carne não é Halal).

Mas o que é mais curioso é que fish and chips não é o prato mais consumido em Inglaterra, é um cliché segundo o mesmo professor que referi, e ele ainda acrescentou: "Se comêssemos todos ovos, bacon e salsichas ao pequeno-almoço e fish and chips tanto quando se pensa, estaríamos todos obesos!" Foi feito um estudo e o que os britânicos mais consomem é curry! Aparentemente Fish and chips tornou-se um prato para turistas. E apesar da ideia de fritos com fritos não me entusiasmar lá fui eu experimentar, e como já esperava não é de todo para mim, apesar de gostar muito de peixe! Por outro lado, o que vai deixar saudades são os crumpets, uma espécie de panquecas que não são doces nem salgadas, vendem-se em supermercados já feitas e o facto de não serem doces torna-os super versáteis, mas torrados com mel por cima são a minha versão preferida! Para quem conhece o típico bolo lêvedo de S. Miguel nos Açores, é parecido (sendo que este último continua a ganhar). Portanto variedade não falta, mas ainda assim, Itália (próxima paragem) continua a soar melhor no que toca a gastronomia!”
Sobre Mikaela Lupu:
Mikaela Lupu é uma jovem atriz que promete dar que falar. Nascida na Moldávia em 1995, Mikaela mudou-se para Portugal quando tinha apenas cinco anos e desde 2011 que faz da representação a sua principal atividade. Em televisão integrou o elenco das séries Morangos Com Açúcar(2011/2012),Os Filhos do Rock (2013), Dentro (2016) e Vidago Palace (2016); das telenovelasMundo ao Contrário (2013), O Beijo do Escorpião (2013), Jardins Proibidos (2015) e A Impostora(2016); e também participou no filme Leviano (2015), de Justin Amorim.

Atualmente, Mikaela está em Bournemouth, Inglaterra, onde vai ficar até abril, a estudar e a trabalhar. Regressa a Portugal no início de março para promover a série da RTP Vidago Palace. Depois desta pausa, volta para Londres até maio. Retoma o projeto Ano Sabático – Viajar & Trabalhar, desta vez em Paris, onde ficará a viver entre julho e outubro.

E, para terminar 2017 em beleza, Mikaela Lupu viajará até à Índia para, como voluntária, dedicar o seu tempo aos que mais precisam.

Ficou curioso com o ano agitado que esta jovem e promissora atriz vai ter? O site da CARAS vai acompanhar de perto todas estas viagens e a experiências vividas por Mikaela Lupu e duas vezes por semana dar-lhe-á a conhecer todos os pormenores.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras