Nas Bancas

2016-12-06-0.jpg

Tânia Ribas de Oliveira esclarece acusação de plágio

A apresentadora da RTP emitiu um comunicado onde se revela indignada: "Hoje acordei com uma notícia tão triste quanto maldosa."

CARAS
11 de dezembro de 2016, 11:40

Depois de ter lançado o livro As Pérolas das Nossas Crianças, inspirado em frases ditas pelo seu filho mais velho Tomás, Tânia Ribas de Oliveira foi alvo de inúmeras acusações nas redes sociais de ter plagiado um livro da animadora da Rádio Comercial Ana Isabel Arroja. A apresentadora da RTP resolveu então esclarecer a polémica e emitiu um comunicado no seu blogue O Nosso T2 onde se pode ler:
"Hoje acordei com uma notícia tão triste quanto maldosa: a notícia de que eu teria plagiado uma ideia de há três anos, de uma mãe que teria escrito um livro sobre as frases da filha. E antes desse, quantos houve? E depois do meu, quantos haverá? Espero que muitos, muitos!
- Ponto um: eu desconhecia esse livro por completo e continuo a desconhecer. E não sou a única…
- Ponto dois: as pessoas que agora me acusam, foram das primeiras a incentivar-me à escrita do meu livro.
- Ponto três: há mil e um livros no mercado sobre maternidade, viagens, gastronomia, astrologia e tudo o mais e era o que faltava andar meio mundo a acusar o outro meio mundo de falta de criatividade. Eu sei que para algumas pessoas é difícil entender isto, mas o mesmo tema pode e deve ser abordado muitas vezes, dependendo dos corações que o sentem.
- Ponto quatro: plágio é crime e exerce-se quando um texto é copiado. Ora bem: se falamos de crianças e de um livro despretensioso sobre o que dizem, dificilmente estaremos a falar de conteúdo semelhante, muito menos igual.
- Ponto cinco: a maldade da acusação aos jornais sem uma palavra pessoal antes disso, torna-se uma arma com a qual não sei nem quero aprender a lidar.
– Ponto seis: obrigada pela publicidade e pela tentativa falhada de ensombrar um projecto bonito. Sejamos humildes: é uma pretensão desmesurada acharmos que somos demasiado bons para sermos imitados. Antes de nós, já havia outros. E depois de nós, também."

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras