Nas Bancas

Filhos de Angelina Jolie e Brad Pitt com acompanhamento psicológico

O casal está a divorciar-se após 11 anos de união.

CARAS
5 de outubro de 2016, 19:27

De acordo com uma fonte próxima de Angelina Jolie citada pela revista People, a atriz e os seus seis filhos – Maddox, de 15 anos, Pax, de 12, Zahara, de 11, Shiloh, de dez, Vivienne e Knox, de oito – estão a receber apoio psicológico para enfrentar este momento delicado de forma mais serena. “Toda a situação foi traumatizante”, afirma a mesma fonte, referindo-se ao facto de a atriz ter decidido entrar com um processo de divórcio após 11 anos de vida em comum com Brad Pitt, dois dos quais casados. E esclarece ainda que os primeiros dias após apresentar o pedido em tribunal, Jolie e as crianças estiveram instaladas numa casa alugada em Los Angeles, onde contaram com a presença do irmão da atriz, James Haven. “Ela fez o que achou que seria melhor para manter os filhos a salvo. Eles não saíram de casa durante dias a fio. Foi difícil para todos. Estão habituados a ter atividades e divertir-se no exterior, por isso foi complicado manter as crianças em casa. Os mais novos não entendem o que está a acontecer”, justifica.
Já outra fonte próxima de Brad Pitt revela que o ator “está completamente devastado e de coração partido com os acontecimentos das últimas semanas, sobretudo pela forma como as coisas foram tornadas públicas e as informações adulteradas, o que só prejudica a sua família e a impede de seguir em frente”. “Ele ama os filhos mais do que tudo neste mundo e são o que tem de mais importante na vida. Ele fará tudo o que for necessário para estar com eles, agora e sempre”, conclui.
Duas semanas após ter sido anunciado o divórcio, Angelina Jolie e Brad Pitt chegaram a acordo temporário sobre a custódia dos filhos. Segundo a imprensa internacional, a atriz ficará com a guarda total das seis crianças, e o ex-marido terá direito a visitas frequentes, sendo que a primeira será supervisionada por um terapeuta, que decidirá posteriormente se terá de estar presente nas semanas seguintes.
O acordo é válido até ao próximo dia 20 de outubro. “É um acordo completamente voluntário (e não determina as modalidades de guarda de maneira definitiva”, afirmou uma fonte à revista People.
Além disso, ficou acordado que a estrela do filme Tróia terá de realizar testes de álcool e drogas, apesar de Pitt já se ter submetido aos exames voluntariamente, tendo estes dado resultado negativo.
O site de celebridades TMZ refere ainda que Jolie não avançará com a acusação de agressão em tribunal, relacionada com o episódio do avião privado da família no passado dia 14 de setembro, em que Brad terá alegadamente maltratado o filho mais velho, Maddox.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras