Nas Bancas

Luciana Abreu acusa hospitais de negligência médica

Atriz e cantora diz que a filha não foi devidamente assistida no Hospital dos Lusíadas e no Hospital Particular do Algarve, ambos em Faro.

CARAS
13 de setembro de 2016, 13:45

Luciana Abreu passou recentemente por um grande susto com a sua filha mais velha, Lyonce, que esteve internada com uma pneumonia grave. Mas, de acordo com a atriz e cantora, a situação poderia ter sido minimizada se a menina, de cinco anos, tivesse sido devidamente assistida desde o primeiro dia em que a levou ao médico, quando se encontrava de férias no Algarve. “Ela teve uma pneumonia grave por negligência médica. No raio-X ao tórax, tinha uma mancha no pulmão, mas os médicos desvalorizaram e nem lhe deram antibiótico. Disseram que era uma situação normal e que ia passar”, contou Luciana Abreu ao Correio da Manhã, antes de acrescentar: “O padrinho da Lyonce é médico e, assim que viu o raio-X, disse que ela tinha de ser logo internada, porque estava com uma pneumonia, que só piorou por negligência. Vou apresentar queixa porque foi uma situação muito grave”.
Recorde-se que Lyonce foi primeiramente observada no Hospital dos Lusíadas e depois no Hospital Particular do Algarve, ambos em Faro, e são precisamente estas duas instituições que a atriz pretende levar a tribunal. Depois de ver que a situação clínica da filha estava a agravar-se, Luciana antecipou o regresso a Lisboa e a menina esteve internada durante uma semana no Hospital de Cascais.
A cantora e atriz é ainda mãe de Lyani, de quatro anos, ambas fruto da relação com o jogador de futebol Yannick Djaló.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras