Nas Bancas

Ana Hickmann indignada com a justiça brasileira

O cunhado da apresentadora foi indiciado por homicídio no caso do atentado num quarto de hotel em Belo Horizonte em que esta era o alvo.

CARAS
8 de julho de 2016, 16:35

Ana Hickmann foi alvo de uma tentativa de assassinato no passado mês de maio, num quarto de hotel de Belo Horizonte, Brasil. Com a apresentadora estavam a sua cunhada, Giovana Oliveira, e o seu cunhado, Gustavo Corrêa. E foi precisamente este último que, após confronto físico e ter sido ameaçado com uma arma de fogo, disparou sobre o intruso, Rodrigo de Pádua, que não resistiu aos ferimentos. Antes, o homem ameaçou matar Ana Hickmann, acabou por disparar sobre a sua cunhada e Gustavo Corrêa diz ter agido em legítima defesa.
Contudo, o Ministério Público brasileiro decidiu que as circunstâncias do caso deveriam ser melhor investigadas e o cunhado da apresentadora foi indiciado por homicídio, o que a deixou indignada, descontentamento que demonstrou ao publicar a definição da palavra indignação nas redes sociais.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras