Nas Bancas

Lionel Messi condenado a 21 meses de prisão por fraude fiscal

O pai do jogador do Barcelona também foi condenado.

Lusa
6 de julho de 2016, 12:22

A Audiência de Barcelona condenou o futebolista argentino Lionel Messi, do FC Barcelona, a um ano e nove meses de prisão por fraude fiscal entre 2007 e 2009.
Jorge Messi, pai do jogador, também foi condenado a 21 meses de prisão, uma sentença que, segundo a agência EFE, foi comunicada hoje às partes.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras