Nas Bancas

Camilo de Oliveira: As reações à morte do ator

Simone de Oliveira recorda o ator como um homem bom, muito amado. Ruy de Carvalho revela que "é uma grande perda para nós." Herman José, Daniel Oliveira e Nuno Santos também já expressaram a sua tristeza.

CARAS
3 de julho de 2016, 12:56

Camilo de Oliveira morreu ontem aos 91 anos. Estava internado na Unidade de Cuidados Paliativos do Hospital Egas Moniz há já algum tempo. Alguns colegas e amigos já reagiram à sua morte.
Simone de Oliveira: "Era um homem bom, com um temperamento por vezes nada fácil, mas muito amado por todos."
Herman José: “Não imagino vida mais completa: profissionalismo exemplar, amores totais, caráter, verticalidade e alguns inimigos de estimação pelas razões certas. Se fosse uma peça, a vida do Camilo de Oliveira estaria ao nível do melhor Arthur Miller. Um beijo muito especial para o seu anjo da guarda Paula Marcelo.”
Daniel Oliveira: "Um dia, alguém do público levantou-se e disse: Camilo de Oliveira nunca devias morrer", Alta Definição 2011”
Ruy de Carvalho: " Era um muito engraçado criador de personagens, algo que fazia com muita classe. É uma grande perda para o teatro português e para o espetáculo.”
Jessica Athayde: “Que vida cheia de histórias que nos deixou. Fui a única a não perceber que já tinha 91 anos? Descanse em paz querido Camilo”
Nuno Santos: “Morreu Camilo de Oliveira. Verdadeiramente não sei que idade tinha. Nem eu, nem ninguém. Não acreditem na história dos 91 anos. Podiam ser 100. O Camilo era um Homem sem idade, um Homem de muitas vidas, muito mais do que 7, do teatro à televisão, das digressões no tempo em que não havia auto-estradas. E um homem de paixões assolapadas e amores profundos. Um grande ator cómico, uma personalidade marcante, uma pessoa especial. (...) Quando entrava em Carnaxide todas as pessoas se curvavam perante o seu talento. Hoje, respeitosamente, curvamo-nos perante a sua memória de extraordinário artista.”

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras