Nas Bancas

TC_Gala Cavalo Lusitano-19.jpg

Tiago Caramujo

Assunção Cristas numa saída a dois: “Mal seria se a vida fosse feita apenas de trabalho”

Adepta assumida da Seleção Nacional, Assunção Cristas passou o jantar a ver o jogo de Portugal contra a Áustria. “Vibro muito com a nossa seleção, mas não o faço com o campeonato nacional”, afirmou a política.

CARAS
29 de junho de 2016, 14:23

Assunção Cristas e Tiago Machado da Graça foram das presenças mais notadas e bem dispostas no jantar de gala do Festival Internacional do Cavalo Lusitano, no Hipódromo Manuel Possolo, em Cascais. “Estamos aqui a convite do Paulo Caetano, que é um grande amigo do CDS há muito tempo e meu também e, portanto, venho conviver um bocadinho e estar com pessoas com quem me cruzei muito nas minhas funções de ministra e que é um gosto rever”, explicou a política, adiantan­do: “Mal seria se a nossa vida fosse feita apenas de trabalho. É muito bom termos estes escapes. Se bem que hoje o dia não foi perfeito, porque coincidiu com o empate da nossa seleção. Sofro um bocadinho e estava com grandes expectativas, mas a coisa não está nada fácil... Mas vamos continuar a torcer.”
Pais de Maria do Mar, de 13 anos, José Maria, de 11, Vicente, de nove, e Maria da Luz, que faz dois anos no final de julho, a líder do PP e o marido aproveitaram esta noite para uma saída a dois. “Deixámos uns filhos em casa, outros em casa de amigos a ver o jogo... É muito interessante ter filhos em diferentes fases e idades, porque como tive os primeiros três mais seguidos e a última com uma diferença maior, quase senti que fiquei dez anos mais nova de um dia para o outro, o que é ótimo. E os irmãos ajudam muito e dão-lhe muitos mimos”, rematou.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras