Nas Bancas

Judite Sousa: “O meu filho não gostava de me ver sofrer”

A jornalista recebeu da revista ‘Executiva’ o prémio que distingue as portuguesas mais influentes e explicou o que entende por influência: “Tem a ver com a capacidade de, através do nosso trabalho, nos superarmos e eu tenho-me superado em circunstâncias muito difíceis.”

CARAS
18 de junho de 2016, 10:00

Considerada pela revista Exe­cutiva uma das 20 mulheres mais influentes de Portugal, Judite Sousa não escondeu o ânimo que este prémio lhe dá. “É muito bom. Sobretudo quando mais precisamos de carinho, de nos sentirmos vivos, estes reconhecimentos são particularmente importantes”, disse, de forma emocionada. A jornalista, que tem encontrado no trabalho a sua força motivadora para continuar depois da morte do seu filho, André Sousa Bessa, há quase dois anos, admite que o tempo não ameniza a dor da perda. “Não, os dias nunca são fáceis. Há situações que não têm solução. Quando se passa por um grande trauma, só há dois caminhos possíveis: ou se vive ou não se vive. E eu voltei ao trabalho porque tinha que continuar a viver, tinha que continuar a sustentar-me e a garantir o meu dia-a-dia. Quando atravessamos momentos muito duros na nossa vida, o trabalho é a melhor terapia que existe para tentarmos seguir em frente”, assegurou.
Foi com a voz embargada pela emoção e pela dor que fez um balanço destes últimos dois anos, os mais dolorosos da sua vida. “Em termos profissionais, sou a mesma Judite de sempre. Em termos pessoais, sou uma outra pessoa, mas tenho De ter força para continuar. A influência é também isso, a capacidade de sermos um exemplo para os outros. E eu tenho procurado ser um exemplo, de certa forma, para quem viveu situações semelhantes à minha. Ajudar os outros é uma forma de me ajudar a mim própria”, admite, acrescentando: “E o meu filho não gostava de me ver sofrer.”

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras