Nas Bancas

VF_BaileFlor_2735.jpg

Victor Freitas

Gilda Paredes Alves anfitriã de mais um Baile da Flor solidário

“A violência doméstica choca-me muito e este ano escolhemos a APAV para ser beneficiada pelos fundos angariados.” (Gilda Paredes Alves)

CARAS
14 de junho de 2016, 13:00

O Baile da Flor comemorou 16 anos e a festa não podia ter sido mais glamorosa e animada. Gilda Paredes Alves, a organizadora do evento, era o espelho da felicidade. “Faço dois eventos solidários por ano e fico muito feliz, porque há sempre alguém que se diverte e angariamos sempre fundos que depois são bem entregues a associações de solidariedade que necessitam”, disse Gilda à CARAS já no final da festa que levou flores e diversão ao Hotel Palácio do Estoril no passado dia 21.
Este ano, o valor do jantar – cada lugar custava 120 euros – reverteu em exclusivo para a Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV). “Todos os anos escolhemos uma associação. A violência doméstica choca-me muito e este ano escolhemos a APAV, à qual vamos entregar um cheque de 5.400 euros. Estou muito satisfeita com isso”, explicou ainda a anfitriã. João Lázaro, presidente do instituto, agradece. “Toda a ajuda é im­portante, sobretudo na divulgação da missão e dos serviços da APAV. Estas iniciativas solidárias permitem-nos continuar a nossa missão e chegar cada vez mais longe”, refere, adiantando que a APAV tem 15 gabinetes, duas casas-abrigo e uma casa de acolhimento. “Precisamos sempre de recursos e qualquer que seja a quantia é bem-vinda”. Uma noite divertida e solidária que juntou, como é habitual, muitas caras conhecidas.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras