Nas Bancas

As fotografias do casamento romântico de Joana Saldanha e Lourenço Ferreira de Almeida

Joana entrou na Igreja de Santos-o-Velho pelo braço do pai, Miguel Saldanha. A consultora e o empresário selaram um longo namoro numa celebração muito emotiva.

CARAS
14 de junho de 2016, 15:00

Passavam 20 minutos das 17 horas quando Joana Saldanha chegou à Igreja de Santos-o-Velho, em Lisboa, na companhia do pai, Miguel Saldanha, num carro clássico azul. À porta da igreja, Joana tinha à sua espera a mãe, Manuela Saldanha, o avô materno, Pedro António Costa, e a irmã, Cata­rina, que gritaram, entusiasmados, uns sonoros “viva à noiva”.
De braço dado com o pai, Joana caminhou pela nave central da igreja, enquanto um coro composto por familiares e amigos entoava Avé Maria, Por Tua Pureza. Num vestido com o corpo trabalhado e saia fluida criado por Susana Agostinho, a noiva captou a atenção dos presentes e, naturalmente, a do noivo, Lourenço Ferreira de Almeida que a aguardava, ansioso, junto ao altar.
Presidida pelo padre Valter Malaquias, a cerimónia foi marcada por alguns momentos muito emotivos, tais como aquele que se seguiu à troca das alianças, quando se ouviu a mú­sica Abençoa o Nosso Sim!, e o do Pai-Nosso, que foi conduzido pela voz do fadista João Braga. “Neste casamento houve muitos momentos especiais e eu tive a honra e o prazer de participar num deles. Conheço os noivos desde pequeninos, por isso foi bastante emotivo assistir a este dia e foi, de facto, com muito sentimento que cantei hoje”, confidenciou o fadista à CARAS.
Outro dos pontos altos foi a ‘atuação’ com que alguns convidados presentearam os noivos já no final da cerimónia. Entre as vozes de vários amigos que se juntaram ao coro para cantarem All You Need Is Love, dos Beatles, instrumentos musicais em papelão surgiram no meio dos convidados, criando um clima divertido e espontâneo que terminou com uma salva de palmas aos recém-casados.
Ao longo de toda a tarde, Manuela Saldanha irradiou felicidade. Sempre sorridente, a mãe da noiva viveu em pleno este dia tão importante para toda a família: “Sinto-me muito emocionada. Foi um namoro de muitos anos e estamos todos felizes com este casamento. Somos católicos e, por isso, foi muito importante vê-los formalizar esta união com a bênção de Deus”, partilhou.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras