Nas Bancas

0.jpg

DR

Rock in Rio-Lisboa junta 329 mil pessoas no Parque da Bela Vista

Em cinco dias de concertos.

Divulgação
31 de maio de 2016, 17:36

A Cidade do Rock recebeu 329 mil fãs vindos de diversos países, entre os quais Espanha, Reino Unido, Alemanha, França, Itália, Holanda, Irlanda, Noruega, Brasil, Suíça, Dinamarca, Estados Unidos, Emirados Árabes, Austrália e China.
Bruce Springsteen marcou a primeira noite desta 7.ª edição com um espetáculo para 67 mil pessoas; Queen+Adam Lambert protagonizaram um dos momentos mais marcantes da edição atuando para um público de 74 mil pessoas; Hollywood Vampires estrearam-se na Europa para 56 mil pessoas; Maroon 5 foram os donos da noite mais concorrida (85 mil pessoas); e Avicii encerrou com um espetáculo para 47 mil fãs.
A organização já confirmou mais uma edição do festival em 2018.
A 7.ª edição do Rock in Rio-Lisboa em números
Alimentação
Foram vendidos 145 mil litros de cerveja, 80 mil litros de água e 60 mil litros de Pepsi nos bares oficiais do recinto.
Nos cinco dias foram ainda consumidas 12 mil bifanas, 750 kg de leitão, 19 mil pacotes de batatas fritas, 240 kg de salmão, 600 kg de atum e 400 kg de fruta.
Diversões
As diversões continuam a ser uma das grandes atrações da Cidade do Rock. 32 mil pessoas andaram na Roda Gigante e 3 300 no Slide.
A Fábrica de Sofás da Vodafone voltou a revelar-se um enorme sucesso e entregou 40 mil sofás ao longo dos cinco dias de evento.
Saúde e Segurança
Durante os cinco dias de evento registaram-se, apenas, 500 ocorrências com atendimento de saúde, entre dores de cabeça, pequenos traumatismos, escoriações, baixa tensão ou desidratação, entorses, luxações e alguns casos de consumo de álcool em excesso.
No âmbito da segurança registaram-se pequenos conflitos entre grupos, que a Prosegur e a PSP controlaram com eficiência e rapidez.
Amazónia Live
Um mês após o lançamento do projeto Amazonia Live em Portugal, os portugueses já contribuíram com 35.000 árvores.
O Rock in Rio já se encontra a preparar o ‘momento alto’ deste projeto que terá lugar em agosto, com um concerto flutuante em plena Amazónia que será transmitido para o mundo inteiro, como forma de sensibilizar a população mundial para as alterações climáticas.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras