Nas Bancas

Decote de Carolina Patrocínio volta a gerar polémica nas redes sociais

Rita Ferro Rodrigues já saiu em defesa da apresentadora.

CARAS
11 de maio de 2016, 13:48

Carolina Patrocínio está outra vez no centro da polémica devido à foto que publicou com o vestido usado no casamento da irmã mais nova, Inês, no passado sábado, 7 de maio.
O modelo de Pureza Mello Breyner com um pronunciado decote deixava o seu osso do esterno saliente, o que motivou inúmeros comentários dos seus seguidores, alguns pela positiva, outros com duras críticas.
"O vestido é lindíssimo e fica-lhe super bem. O único senão são mesmo os ossos no peito que se veem muito e torna o decote feio. É uma questão de morfologia, não se pode ser perfeito", lê-se numa das publicações. "Onde é que está a arrasar????? Este decote fica horrível nestes ossos.... Não é peito.!!!!!!", refere outra seguidora.
A apresentadora do Fama Show continua indiferente à polémica e até já recebeu elogios de Rita Ferro Rodrigues. Num texto publicado na plataforma feminista Capazes, a apresentadora defendeu a colega, sublinhando a sua "grandeza" e descrevendo-a como uma "mulher linda por dentro e por fora", "atleta extraordinária que nos motiva a todos a treinar" e "mãe muito presente, cheia de amor e de luz".
"Carol perdoa-lhes: acham que podem observar constantemente o teu corpo como se de um animal raro se tratasse.

Acham que o corpo é delas não teu, percebes? Não compreendem a mulher feliz, livre e cheia de auto-estima que és. Isso dá-lhes cabo da cabeça.

Carol perdoa-lhes: acham que podem opinar sobre o teu decote, sobre o teu peito. Acham que têm o direito de te dizer o que podes ou não vestir #nomeudecotemandoeu

Nem sequer sabem que o que fazes (vestir o que queres sem qualquer complexo) é tão libertador para outras mulheres e homens que tal como tu, nasceram com Pectus Excavatum (deformidade do tórax e osso esterno caracterizada por uma depressão do esterno e costelas na frente do tórax).

Não sabem que casos brandos desta deformação originam apenas um problema estético, mas nos mais graves, a deformidade pode provocar a falência de funções cardíacas e respiratórias. Não é o teu caso. Não sabem que muitas pessoas que sofrem desta condição, especialmente jovens, sofrem de bullying social e evitam despir-se, ir à praia, usar decotes, etc.

Elas não sabem Carol, estão preocupados em julgar e em agredir. Não têm a tua grandeza. Ficam incomodados com a tua auto-estima.

Carol, perdoa-lhes: acham que o facto de trabalhares em televisão e de estares mais exposta lhes dá o direito de vomitar agressões e insultos."

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras