Nas Bancas

Joana Vasconcelos arrasada nas redes sociais

Após participar em campanha em que anónimos e figuras públicas dizem o que levariam numa mochila se partissem como refugiados.

CARAS
9 de abril de 2016, 11:55

Joana Vasconcelos esteve entre as figuras públicas que participaram na campanha ‘E Se Fosse Eu?’, da RTP, em que cada um dizia o que levaria na mochila se tivesse que deixar o seu país para viver como refugiado. A artista plástica revelou: "Levava o meu caderno, para poder fazer desenhos. O meu iPad. Levava o phones para ouvir música. Os meus lápis para fazer desenhos. Os meus óculos de sol, todas as minhas joias portuguesas. Levava as lãs e a agulha para qualquer eventualidade e o meu iPhone para poder comunicar com o mundo”. Uma resposta que está a ser fortemente criticada nas redes sociais, sobretudo porque a artista plástica não mencionou nenhum bem essencial, como alimentação ou roupa. "Fantástico! Esta senhora tem um iPhone e um iPad a energia nuclear... Vai levar malha para fazer a roupa que devia levar na mala, e os lápis para fazer as gravuras rupestres na gruta onde vai morrer à fome, a sede, ao frio...", pode ler-se num dos comentários ao vídeo na página de Facebook da RTP.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras