Nas Bancas

Centenas de pessoas despedem-se de Nicolau Breyner

A Basílica da Estrela tornou-se pequena para receber todos os colegas e amigos que quiseram prestar a última homenagem ao ator

CARAS / Lusa
15 de março de 2016, 23:37

Centenas de pessoas passaram hoje pela Basílica da Estrela para prestar a última homenagem a Nicolau Breyner, que morreu esta segunda-feira, aos 75 anos, vítima de ataque cardíaco. A polícia instalou baias de segurança no acesso à capela onde está a ser velado o ator, e por onde já passaram, entre outros, o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, o primeiro-ministro, António Costa, o ministro da Cultura, João Soares, o presidente da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, a vereadora da Cultura, Catarina Vaz Pinto, o ex-secretário de Estado da Cultura Jorge Barreto Xavier ou o presidente da Impresa, Francisco Pinto Balsemão.

Quem também marcou presença foi o líder do PSD, Pedro Passos Coelho, que realçou "o grande vulto da cultura" que foi Nicolau Breyner. O ex-primeiro-ministro referiu a amizade que tinha com o ator, cujo "talento irá permanecer pelos anos".
Entre os muitos atores que estiveram presentes, Lourdes Norberto referiu-se a Nicolau Breyner como um homem que "tinha sempre projetos em mente, tinha sempre planos", e Ana Bola falou do ator como "um homem decente e honesto".

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras