Nas Bancas

Pai de Amy Winehouse volta a criticar documentário sobre a vida da filha

O facto de ‘Amy’ ter vencido um Óscar não fez Mitch Winehouse mudar de opinião.

CARAS
2 de março de 2016, 11:06

Depois de Amy ter sido considerado o Melhor Documentário pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood, Mitch Winehouse voltou a tecer duras críticas ao filme sobre a vida da sua filha, a cantora britânica Amy Winehouse, que morreu em julho de 2011. “Não vou mudar de opinião só porque o filme ganhou um Óscar. É um retrato negativo, maldoso e enganador de Amy”, escreveu Mitch no Twitter.
Recorde-se que o pai da artista já anteriormente tinha criticado o trabalho do realizador Asif Kapadia e agora voltou a dizer que o prémio só foi atribuído por ter sido ele a fazer o filme. “Ficarei sempre orgulhoso da minha bebé. Mas ela nunca ganhará um Óscar. Quem ganhou foi o Asif Kapadia. Isto é tudo acerca disso… Do Asif… Ele enganou toda a gente”.
Já o realizador disse durante a 88.ª cerimónia dos Óscares, no passado domingo, 28 de fevereiro, em Los Angeles: "Este filme é todo sobre a Amy. Quis mostrar ao mundo quem ela realmente era, não uma personagem dos tablóides, uma rapariga linda, uma alma fabulosa, divertida, inteligente, espirituosa, alguém especial, alguém que precisava que cuidassem dela".

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras