Nas Bancas

Aplausos e fado no funeral de António Almeida Santos

O fundador do Partido Socialista morreu na passada segunda-feira, dia 18, aos 89 anos.

CARAS
20 de janeiro de 2016, 17:07

O último adeus a António Almeida Santos ficou marcado por muitos aplausos e fado de Coimbra. Foram várias as figuras da política que estiveram presentes na Basílica da Estrela, em Lisboa, entre eles o Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, Jorge Sampaio, António Ramalho Eanes, Pedro Santana Lopes, Maria de Belém Roseira, Teresa Caeiro, Manuel Alegre e Fernando Gomes.
A urna deixou a Basílica da Estrela e seguiu num cortejo fúnebre, com guarda de honra, em direção ao cemitério do Alto de São João, passando junto à Assembleia da República e ao Largo do Rato, sede do Partido Socialista.
Já no cemitério, onde o corpo foi cremado, apareceram outras personalidades, como Marcelo Rebelo de Sousa, Fernando Medina, presidente da Câmara Municipal de Lisboa, e José António Vieira da Silva. Não houve cerimónia religiosa por vontade do fundador do PS.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras