Nas Bancas

GettyImages-494393914.jpg

Getty Images

Mansão de Amal e George Clooney afetada pelas cheias do rio Tamisa

A água provocou grandes estragos no jardim da propridade, localizada no condado de Berkshire.

CARAS
14 de janeiro de 2016, 17:30

A mansão de Amal e George Clooney, localizada no condado de Berkshire, Inglaterra, foi uma das afetadas pelas recentes cheias do rio Tamisa. A água provocou inundações no jardim da propriedade, avaliada em 13,3 milhões de euros. Apesar dos estragos exteriores, o interior da residência ficou intacto.
O ator e a advogada compraram a casa junto à aldeia de Reading no passado mês de outubro, e desde essa altura, têm estado a realizar obras de requalificação que poderão estar em risco, uma vez que a parte de trás do jardim tem acesso direto ao rio.
As remodelações da residência causaram um grande mal-estar aos vizinhos desta pacata região inglesa devido à constante entrada e saída de viaturas. Entre as novas 'aquisições' do casal para a nova mansão encontram-se um sistema de videovigilância, uma piscina, um court de ténis e uma sala de cinema privada.

Comentários

ATENÇÃO: ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.

Nas Bancas

Newsletters

Receba grátis no seu email as notícias, as últimas caras!

Caras Nas Redes

Mais na Caras